sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Delegado de Coroatá fala grosso: “quem quiser vir pra cima de mim que venha!”


Durante entrevista a imprensa, após a prisão dos assassinos do professor Leonel, o delegado de Polícia Civil de Coroatá, Daniel Moura, mostrou-se bastante irritado com as críticas que recebeu em grupos de whatsapp e desabafou.

“Movimento de AB ou C as minhas custas não será feito. E eu não vou estar atento apenas a crimes de alta gravidade, mas também a pequenos crimes feitos e promovidos por gente medíocre e pequena. Eu tenho um recado para essas pessoas: esse negócio de joguinho de whatsapp isso não assusta o delegado Daniel Moura! Eu não tenho medo disso ai. E eu não tô falando isso, não é com bravata, quem quiser vir pra cima de mim, milícia de A ou de B pode vir que eu não tenho medo, não”, declarou o delegado. Assista no vídeo acima.

Entenda

Operação conjunta da Polícia Civil prende os assassinos do professor Leonel
Na manhã de desta quinta-feira ( 18), foram presos em operação conjunta entre as Polícias Civil e Militar, Maycon Mesquita de Melo, 19 anos e Raimundo Nonato Pereira da Silva, 18 anos.
Continua...

Maycon Mesquita de Melo e Raimundo Nonato Pereira da Silva foram os autores do latrocínio que vitimou o professor Leonel Pereira, 25 anos. Crime ocorrido enquanto a vítima estava na casa de sua namorada, localizada na Rua Yomar Trovão, Bairro Trizidela, em Coroatá/MA.

Maycon Mesquita de Melo e Raimundo Nonato Pereira da Silva tentaram tomar de assalto a motocicleta pertencente à vítima, que, ao reagir, foi alvejada por disparos de arma de fogo.

Para preservação da ordem pública e garantia da integridade dos envolvidos, após a prisão, feita no município de Coroatá/MA, os autores foram trazidos à Delegacia Regional de Codó/MA, tendo sido autuados em flagrante pelo crime cometido. Os presos serão encaminhados à Unidade da SEJAP, onde NJ permanecerão à disposição da Justiça.

Operação coordenada pelo Delegado de Polícia Civil DANIEL IGOR NINA MOURA.

2 comentários:

  1. Se todos fossem que nem esse delegado, creio que poderia diminuir a onda de assaltos no Estado, mais parece que coragem e bravura não fui concedida a todos..

    ResponderExcluir