sexta-feira, 10 de junho de 2016

Fernandinho vai enfrentar o pior público de sua história, em Pedreiras


O show que ninguém mais comenta
Dizem que o tal do cantor gospel “sensação do momento” Fernandinho vai estar em Pedreiras no próximo domingo (12). O evento está tão apagado, tão desbotado que ninguém comenta. Nas redes sociais da região praticamente não se ver comentários sobre o show de Fernandinho. A sensação é que no domingo não haverá nenhum show na cidade. Não há movimentação ou divulgação; o pedreirense parece que virou às costas para esse show e talvez os evangélicos de cidades próximas sequer organizem as costumeiras caravanas.

Pelo andar da carruagem, ‘o fenomenal’ Fernandinho deve enfrentar o pior público de sua carreira em Pedreiras. O show fazia parte das atrações do último aniversário do município e acabou remarcado para o dia 12 do corrente. Caso Fernandinho novamente não compareça, não deve fazer falta. Nos meios evangélicos do município, há um sentimento de decepção contra o músico. E, nós do blog, não sabemos o motivo.

Entre os assembleanos também há uma queixa referente à contratação de cantores gospel desse calibre do Fernandinho, que cobram cachês elevadíssimos, decepcionam o público em vários aspectos, enquanto outros cantores conhecidos, tradicionais, amados e admirados, como J. Neto e Shirley Carvalhais não tem vez nas festas das cidade. “Essas contratações deveriam ser mais democrática e não ficar a cargo de apenas uma denominação religiosa que anda longe de ser a mais numerosa de Pedreiras”, reclamou um evangélico ao blog.  

Realmente, o show de Fernandinho está tão apagado, tão fora da mídia, que não me surpreenderia se o show dele superado em público pelo show do humorista Tirulipa que se apresenta em Pedreiras, no dia 18. 

6 comentários:

  1. Deixe dessas reportagens mesquinhas blogueiro, isso é feio e não é compatível com quem se diz ser da mídia, deixe acontecer pra depois comentar.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia grande blogueiro Carlinhos. Gostaria de compartilhar essa matéria com você, no intuíto de saber a opinião dos seus leitores. um abraço. Realidade da política maranhense e a gestão do Governador Flávio Dino. Críticas, reclamações e insatisfações a postura do governador e sua forma de administrar são constantes. Um governo que perdeu-se pela péssima articulação política do governador e seu secretário inseparável de articulação política, Marcio Jerry. Um governador que entrou no mandato, motivado por sentimentos como rancor,ódio e vingança, focado em minar um por um daqueles que não o apoiou na campanha ou àqueles que ousaram não baixar a cabeça para o todo poderoso. Super valorizou lideranças inexpressivas e sem força política nos municípios e ignorou aqueles que tem votos,força política e liderança, pelo fato de não os terem apoiado anteriormente. Flávio Dino perdeu o controle emocional logo no início, desestabilizado, brigou com uma prefeita em pleno palanque em município, tornando-se mais vulnerável aos olhos da classe política. Um governo que deixa a desejar em todos os setores, mostrando-se totalmente incapaz. O maranhense amadureceu politicamente, tinham uma única alternativa de mudar, o único nome que tinham era de Flávio Dino, apostaram e estão arrependidos. Agora descobriram que não é porque é o "novo", que será a solução. Viram de forma escancarada, um governador que deixa de investir nas estradas, na segurança pública, na saúde e educação por alegar falta de recurso, mesmo tendo tido apoio da ex presidente Dilma, e de forma contraditória, usou milhões do dinheiro público dos maranhenses para sua auto propaganda/marketing pessoal, vôos de ídas e vindas para Brasília para fechar acordos pró Dilma Roussef. Na classe política, muitos dizem que Flávio Dino estaria querendo implantar uma ditadura no Maranhão, que ele entrou sendo juiz e sairá sendo juiz, nunca foi político,governador. No entanto, os políticos aos poucos estão acordando, reivindincando, rebelando-se, contra essa postura do governador que imaginava que poderia fazer do estado, um tribunal, onde ele poderia julgar e penalizar de acordo com suas conviniências políticas. Resultado atualmente, na maioria dos municípios maranhenses, Flávio Dino e seus candidatos perdem nas eleições em 2016, São Luis, Imperatriz, Balsas etc, grande maioria mesmo..concretizando sua inviabilidade de reeleger-se em 2018. Grandes conhecedores da política do nosso estado dizem que, Flávio Dino já é ciente que não conseguirá reeleição e já pensa numa vaga Senado, cogitando apoiar algum Flavista ( o que será impossível de emplacar)...vamos aguardar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o que tem haver com a reportagem seu comentário?

      Excluir
    2. Comentário tosco e sem relação com o caso. Coisa de chorão perdedor.

      Excluir
  3. não tem nada de feio Carlinhos, arrocha o buriti, compade

    ResponderExcluir
  4. Não sou evangélico mas tenho a impressão de que esse blog combate esse evento desde a primeira vez quando foi refutado pelos organizadores pela fofoca que divulgou.

    ResponderExcluir