quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Baderneiros do PCdoB agridem Eduardo Braide durante debate no auditório do curso de História da UEMA



Lamentável ver essa campanha suja e ver colegas jornalistas que eu gosto e até admirava envolvidos nisso tudo. Minha gente, já já essa campanha acaba, não vamos perder a compostura, me entristece muito ver como as pessoas perdem a sensibilidade, abrem mão do profissionalismo, de boas amizades, da credibilidade, do respeito e até do caráter em troca de dinheiro e poder.

Ontem estive em um diálogo entre os candidatos que disputam o pleito de São Luís com pelo menos 17 conselheiros municipais de direitos da capital. Fora o pessoal de assessoria de comunicação eu era a única jornalista por lá, estava a trabalho com a missão de noticiar os reais fatos.

Vamos lá: Eduardo Braide chegou e foi muito bem recebido e aplaudido pelos conselheiros que eram os verdadeiros interessados no evento, as 16;00h chegou Júlio Pinheiro que foi representando Edvaldo Holanda, o vice chegou acompanhado de cabos eleitorais do prefeito que ocuparam da metade até o fundo do auditório do prédio de História da UEMA.
Continua... 



Jornalista Annielle Pimente

Dai começou a baixaria o desrespeito e a desordem, sempre que o candidato Braide começava a responder as perguntas feitas pelos conselheiros, o grupo que usava camisas do PCdoB e adesivos do 12 e que desembarcaram lá em carros da prefeitura de São Luís disparavam ofensas.

A organização do evento precisou ameaçar acabar com o diálogo e não dar a vez para Júlio Pinheiro para que os militantes ficassem quietos e nem assim funcionou, eles continuaram a baixaria, até que a organização ameaçou chamar a segurança para colocá-los para fora, até porque aquele era um evento privado.

Achei um absurdo a situação, mais absurdo ainda foram as notícias em parte dos blogues daqui, totalmente distorcidas, com informações que não condizem com os fatos, vídeos editados com o intuito de manipular o leitor.

Lamentável ver essa campanha suja e ver colegas jornalistas que eu gosto e até admirava envolvidos nisso tudo. Minha gente, já já essa campanha acaba, não vamos perder a compostura, me entristece muito ver como as pessoas perdem a sensibilidade, abrem mão do profissionalismo, de boas amizades, da credibilidade, do respeito e até do caráter em troca de dinheiro e poder.

Fonte: Blog do Abimael Costa 
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário