sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Câmara Federal fiscalizará obras do governo Dino financiadas com recursos do BNDES



Em atendimento a requerimento do Deputado Hildo Rocha (PMDB/MA) a Comissão de Fiscalização Financeira e Controle (CFFC) virá ao Maranhão com o objetivo de apurar possíveis irregularidades na aplicação de recursos provenientes de empréstimo junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

De acordo com Rocha, há muito tempo pairam dúvidas acerca da correta aplicação dos recursos. “Já me manifestei acerca dessa questão inúmeras vezes. Fiz pronunciamentos, solicitei audiências, pedi informações, mas não obtivemos respostas satisfatórias. Então, decidi apresentar um requerimento à CFFC que foi aprovado por unanimidade. Dessa forma, iremos proceder à investigação, pois só assim será possível sabermos se de fato o governo está descumprindo os termos do contrato firmado com o BNDES”, argumentou o parlamentar.

Continua...


Uso eleitoreiro

O deputado enfatizou que mesmo diante dos insistentes questionamentos públicos por ele realizados, o governador não deu nenhum indício de que esteja preocupado em dar satisfações à sociedade. “Recentemente a população maranhense presenciou, com muita perplexidade, uma verdadeira operação de guerra montada pelo governo com o objetivo de conquistar votos para os candidatos a prefeito aliados do governador. O governo do estado utilizou, no período vedado, o dinheiro do BNDES para fazer pavimentações em cima de pavimentações o que não é permitido no contrato. Ou seja, fizeram mudanças de objeto, numa clara tentativa de influenciar no resultado das eleições em alguns municípios”, declarou Rocha.

Segundo o deputado a ação praticada pelo governador e pelo secretário de infraestrutura caracteriza crime de responsabilidade e improbidade administrativa. “Os recursos do BNDES deveriam ser aplicados em obras de Infraestrutura, mas, infelizmente o governador está jogando dinheiro público no ralo. Portanto, diante de tantos indícios de irregularidades e desvios de finalidades os membros da Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara Federal acataram o nosso requerimento, tendo sido aprovado pelos membros do colegiado por unanimidade”, informou Rocha.

Audiência

O deputado destacou ainda que na próxima segunda-feira, acompanhado de alguns deputados estaduais, será recebido em audiência pela diretoria do BNDES para tratar desse tema e de outros assuntos de interesse do Estado.
Assessoria.

Um comentário:

  1. Porquê sera que este requerimento não foi feito antes pra evitar que o estado do Maranhão ficasse devendo 400 milhões de reais e que Ricardo saqueasse a saude com desvio de outros 2 milhões.

    Hildo Rocha farinha do mesmo saco.

    ResponderExcluir