quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Candidato que teve um voto larga a mulher


Curiosidade nas eleições municipais 
Quando terminou a apuração dos votos, o candidato a vereador Jurandir do Jumento teve uma surpresa nada agradável: obteve apenas um voto. Chamou a mulher e deu cartão vermelho pra ela. Mas a esposa Antônia Ferreira, com quem viveu 25 anos, garante que votou sim no marido. O fato aconteceu em Fleixeiras, em Alagoas.

“Como pode uma mulher se deitar com um homem e não votar nele?”, indagava revoltado. Antônia se defende dizendo que o voto computado para Jurandir é dela. Essas informações acima são do site O Sensacionalista.

3 comentários:

  1. Carlinhos, vc é tão burro! Sensacionalista é site de comédia que inventa histórias falsas,seu animal!

    ResponderExcluir
  2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, poxa né

    ResponderExcluir