domingo, 9 de outubro de 2016

Empresário natural de Pedreiras foi novamente preso em operação da Polícia Federal


Péricles 
Nesta semana, a Polícia Federal prendeu o pedreirense Péricles Silva Filho, proprietário do Instituto de Cidadania e Natureza (ICN), durante as 2ª e 3ª fases da Operação Sermão aos Peixes, denominadas de Abscôndito e Voadores. Na mesma operação, sócio dele no ICN, Benedito Silva Carvalho, também foi preso.

As prisões se deram por meio de dois mandatos de prisão preventiva expedido pelo juiz federal Jaime Travassos Sarinho.

Os proprietários do ICN são acusados de ocultação de provas, lavagem de dinheiro e de desvio de cerca de R$ 36 milhões de reais através do desconto de cheques e posterior depósito nas contas de pessoas físicas e jurídicas, vinculadas aos envolvidos, incluindo o saque de contas de hospitais.
Benedito 

Benedito e Péricles já haviam sido presos durante a 1ª fase da operação Sermão aos Peixes deflagrada em novembro de 2015.

Péricles é médico e já atuou em Pedreiras nas décadas de 1980 e 1990. Muito conhecido e querido em Pedreiras na época. Ainda tem familiares na cidade. O pedreirense migrou para São Luís para abrir o ICN. É considerado um dos homens mais ricos do Maranhão. Sua empresa abocanhava uma grande parcela dos contratos de recursos humanos do governo do Estado na gestão de Ricardo Murad.

Preso em 2015 na mesma operação em que o Ricardo Murad foi conduzido coercitivamente para depor na sede da PF. Péricles passou mais de 3 meses em Pedrinhas. Agora, com a continuidade das investigações, voltam a prendê-lo. 
Mais em continua...

Durante ação policial, foram conduzidos coercitivamente Marcelo Renato da Silva, Plínio Medeiros Filho, Thófilo Junqueira Villela Júnior, Valdeney Francisco Saraiva, Aline Rodrigues Santos, Deusdedith Alves Sampaio, Warley Alves Nascimento, Marcelo Renatoda Silva, Maíra Milhomem Pereira e Ester Moreira Ambrósio de Carvalho. Já Emílio Resende Borges foi preso.


Com informações do Blog do Neto Ferreira
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário