quarta-feira, 15 de março de 2017

Alexandre Lavepel: “O recadastramento descobriu vários absurdos no funcionalismo de Lago Açu”

Alexandre Lavepel, prefeito de Conceição do Lago Açu 
No período carnavalesco de 2017, o titular do blog do Carlinhos manteve uma longa e reveladora conversa com o prefeito de Conceição do Lago Açu, Alexandre Lavpel. No diálogo, o gestor apresentou diversos problemas que ele tem enfrentando no início de seu governo. O blog já abordou uma parte da conversa na postagem: Alexandre Lavepel: “Plano de Cargos e Salários está errado e precisa ser refeito com urgência para garantir o pagamento da folha!” (reveja aqui)publicada no último dia 10. Hoje, vamos tratar o que o prefeito disse que foi detectado no recadastramento dos servidores, realizado pela Prefeitura em janeiro.

* EQUIPE QUE REALIZOU O RECADASTRAMENTO É COMPETENTE

“A equipe que fez o recadastramento foi de uma competência incrível; claro, ela foi previamente escalada para essa delicada missão e orientada para descobrir todas as irregularidades nas documentações apresentadas”, elogiou o prefeito.

* NÃO É CONCURSADO, MAS ESTÁ COMO CONCURSADO

“Foram muitos absurdos detectados durante o recadastramento e durante a análise da documentação. Não sei nem por onde começar... O que mais foi detectado, são servidores que estão na folha de pagamento como concursados e que não são concursados; ou seja, o sujeito não tem o nome em nenhum diário oficial dos concursos realizados peal Prefeitura de Conceição do Lago Açu, mas está como concursado!!! O câmara não passou em nenhum concurso, mas não sei como, ele tem uma portaria e um termo de posse, conseguida de forma ilegal, que o coloca como concursado. Isso é crime sério”, apontou o prefeito.

* DOCUMENTAÇÃO IRREGULAR

“Em relação à documentação apresentada, muita ilegalidade foi encontrada. Apresentaram certificados, diplomas de faculdades que não existe ou que não são reconhecidas pelo MEC e, com esses documentos, passaram a ganhar mais. A documentação está sendo revista pela Prefeitura”, denunciou o prefeito.

* UM CASO ESPECÍFICO ...
Alexandre Lavepel 

“Tem um caso que estamos olhando em particular, um servidor muito conhecido e respeitado na cidade tem quatro nomeações, duas da prefeitura e duas do estado, isso é ilegal! O Ministério Público não aceita isso, o Sindicato mesmo que o denunciou pra gente! E, na apresentação da documentação desse servidor, foi constatado que os certificados de ensino superior dele são de faculdades que não existem ou não são reconhecidas pelo MEC. Esse rapaz, segundo o próprio Sindicato, ganha mais de 7 mil reais por mês de forma ilegal e estamos de olho nesse caso específico”, afirmou o prefeito Lavepel.

* FUNCIONÁRIOS FANTASMAS ...

“Muita gente está recebendo sem trabalhar. São muitos casos; gente que não mora em Lago Açu, gente que mora em outro estado e tem até gente que mora num pais da Europa que está na folha de pagamento da prefeitura. Isso foi detectado neste recadastramento”, disse o prefeito.

* EMPRESTISMOS ILEGAIS
Continua...

“Uma das coisas mais absurda que descobrimos neste recadastramento são pessoas que não concursadas, mas que receberam portarias e termos de posse como concursadas; essas pessoas fizeram empréstimos bancários, como concursadas nos valores até de 15 mil reais; mas é a prefeitura que está pagando. Depois de pagar o empréstimo, elas ficam como concursadas. Estamos investigando todos esses casos. Teve um casal, o marido e a mulher, que receberam essas portarias, fizeram empréstimos nos nomes deles e estão devendo; a prefeitura está pagando, mas eles me procuraram apavorados, por conta do que se submeteram. Eles não têm como pagar esses empréstimos, não ficaram com o dinheiro e estamos investigando quem foi que embolsou esse dinheiro em troca de portarias de concursados”, contou o prefeito Lavepel.

E por fim, ele disse o que poderá acontecer a todos esses servidores que receberam recursos de forma ilegal da prefeitura de Conceição do Lago Açu.

* PUNIÇÕES

“Estamos vendo caso a caso, situação por situação; algumas pessoas não são culpadas, foram vítimas de certa forma; mas a maioria deve está fraudando o município; eu acho engraçado que tem gente querendo fazer protestos para não perder supostos direitos, que são essas fraudes, é bom ficar preocupados é para a justiça não cobrar o que foi recebido ao longo de muitos anos de forma ilegal, caso as auditorias comprovem a fraudes e irregularidades”, afirmou.

Alexandre Lavepel fez questão de dizer que o recadastramento não teve o objetivo apenas de detectar fraudes, mas organizar a folha de pagamento em benefício dos servidores e das finanças do município.

* SERVIDOR PODE FICAR TRANQUILO

“O servidor que está dentro da lei, com seus direitos em dia, com seus diplomas corretos, não precisa ficar preocupado; ele não será prejudicado em seu direito neste recadastramento. Pelo contrário, será beneficiado. Quando tiramos todos essas pessoas que estão irregulares da folha de pagamento, haverá recursos suficientes para manter o pagamento em dia, cumprir todos os direitos adquiridos e vai sobrar mais para investir na educação: reforma de escolas, transporte escolar, merenda, cursos  em outras áreas do município”, finalizou o prefeito. 

Imagem do Carnaval da Criança promovido pela Prefeitura de Lago Açu
na segunda-feira de carnaval 

10 comentários:

  1. Engraçado, agora tem muitas coisas erradas na prefeitura, mas qnd ele quiz ganhar a eleição foram essas próprias pessoas que hj ele está colocando para escanteio que ajudou a colocar onde está hj.
    Ele só vai lembrar desse povo novamente daqui a 4 anos.

    ResponderExcluir
  2. Tem funcionário que até hj nunca recebeu dinheiro, talvez esse povo não come.
    antes dava de pagar td funcionários, hj não dar mais.
    engraçado que o povo do sinproecema tá td calado será o que foi?

    ResponderExcluir
  3. Se tirar os irregulares e n ww colocar outros, tudo bem.

    ResponderExcluir
  4. Eu acho e graça duma mulecagem dessa se o cidadão recebia era porque realmente trabalhou agora entrar um prefeito desse e suspedi o fucionario o povo pensado que quatro anos n passar .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 4 anos passa e ele vai precisar desse mesmo povo que hj ele humilhou tirando seu ganha pão



      Excluir
  5. Prefeito vc tem que trazer o povo n afastalo estão chegando as eleiçoes vc que precisa ou melho ja precisou agora esta nem ai quatro anos passa voando fico e com nojo quando vejo uma postagem dessa .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vota povo de novo em forasteiro, o povo de lago Açú não tem vez mas de Bacabal estão bem empregados

      Excluir
  6. Tem que sair todas a portarias falsas, por quer os concursados de 2016 nunca foram empossados por conta de tantas fraude na cidade, e vão ser todos exonerado esses cargos fantasma

    ResponderExcluir
  7. A ex gestora passou 8 anos pagando os funcionários td dia 11 e sempre o dinheiro do fundef dava, agora esse atual prefeito entrou cortando o salário das pessoas, dizendo que o dinheiro não dar, isso é engraçado
    pq só de Bacabal na prefeitura tem uns 10 pessoas, será se esse povo estão ganhando um salário mínimo.
    E dizem que não pode contratar.
    isso é uma mulecagem, concursada tiram a portaria e contratar pode

    ResponderExcluir
  8. Cadê vcs povo do sinproecema, onde vcs estão que ainda não fizeram uma passeata nas suas com panelas, dizendo quanto que já saiu pra prefeitura, agora vcs não podem mas fazer, a não vão mas né, esqueci tds estão no cargo
    Os professores, vigia e Aosds ficam assim mesmo.
    Esse Lago Açú é triste.


    ResponderExcluir