domingo, 23 de julho de 2017

 

O bumba-meu-boi de Axixá, sotaque de orquestra encerrará nesse domingo, às  23h, o arraial da Cemar, no Ceprama. O grupo tradicional que neste ano completou 58 anos de história na cultura popular maranhense é conhecido pelo seu belo gingado e pela sua forte irreverência e canções que marcaram várias gerações. Hoje, sob o comando de Leila Naiva, a brincadeira é formada por 120 brincantes, entre índias, vaqueiros campeadores, vaqueiros de fita e orquestra.

A graciosidade das Índias do Boi de Axixá


Com charme, beleza e graciosidade ímpares, as índias do Boi de Axixá dão um show à parte em cada arraial onde a brincadeira se apresenta. Escolhidas em uma seleção rigorosa para compor um dos grupos mais representativos do sotaque de orquestra, as personagens encantam todas as plateias com seu bailado ritmado e indumentárias caprichosamente produzidas para a temporada junina.

O Boi de Axixá conta com 35 índias em seu cordão. Combinado à musicalidade inconfundível do grupo fundado há 58 anos pelos saudosos Donato Alves e Francisco Naiva, o visual produzido pelas belas personagens faz delas atrações de destaque no São João do Maranhão, dignas de admiração crescente por sua dedicação ao nobre papel que desempenham no folclore.

O gingado dos vaqueiros do Axixá 

A cada apresentação é notório ver o gingado dos vaqueiros campeadores de fitas do boi de Axixá, que fazem a inconfundível história do tradicional bumba-meu-boi do sotaque de orquestra.

História do Boi de Axixá

O Boi de Axixá foi fundado em 01/01/1959, por Francisco Naiva, não por pagamento de promessa, mas por amor à brincadeira, à cultura popular. Era composto pelos personagens: soldados, caboclos de flecha, índios e campeadores.

As mulheres eram proibidas de brincar. Depois da saída dos índios e soldados, elas foram inseridas, também como índias, sendo assim até a atualidade.

Por ser um dos precursores do bumba-meu-boi de orquestra no Maranhão, o Boi de Axixá segue tradicionalmente o ciclo da manifestação, ensaios, batismo, apresentação e morte, envolvendo comunidades do município de Axixá e de São Luís/MA.


Como é considerado um dos principais representantes da cultura popular, o Bumba-meu-boi de Axixá não se apresenta somente para contratantes com poder aquisitivo alto; apresenta-se sem cobrar em diversos arraiais, igrejas e comunidades carentes, a fim de promover o acesso e contato de pessoas menos favorecidas à cultura popular, visto que os seus brincantes, desde a sua fundação, também são pessoas simples que amam o Boi de Axixá. de Axixá encerra o arraial da Cemar nesse domingo


0 comentários:

Postar um comentário

Facebook

Visualizações deste blog desde março de 2012

Em Pedreiras e Trizidela do Vale


,

Hotel em Pedreiras


Motos Honda


Matricule-se no Faculdade W. F.



Excursão para Jericoacoara


Motel em Pedreiras


Contrate Banda Skema 5 de Pedreiras



Cacau Show em Pedreiras


Provedor de internet



+ Lidas