quinta-feira, 13 de julho de 2017

Judiciário movimenta Pedreiras e Trizidela do Vale com a II Semana Estadual de Valorização da Mulher

Com o tema “Mulher é Pra Ser Respeitada”, a 3ª Vara de Pedreiras, sob a titularidade da juíza Larissa Tupinambá Castro, promove até esta quinta-feira (13) diversas atividades alusivas à II Semana Estadual de Valorização da Mulher. As ações estão acontecendo na cidade de Trizidela do Vale, termo judiciário da comarca de Pedreiras e tiveram início nesta terça-feira com uma programação voltada para a valorização e retomada da autoestima das mulheres e conscientização, como a carreta da mulher com mamografia e preventivo, viva cidadão com emissão de RG, CPF.
A II Semana de Valorização da Mulher começou logo nas primeiras horas da terça-feira, com uma carreata pelas cidades de Pedreiras eTrizidela. As carretas já estavam a postos na praça da Baixada em Trizidela do Vale e diversas mulheres já aguardavam para serem atendidas, com destaque para a carreta da saúde, que oferece exames de mamografia durante os três dias do evento. “Trizidela e Pedreiras estava esperando a segunda edição dessa ação. Ano passado, centenas de mulheres atendidas. A gente sempre contou com o apoio do Tribunal de Justiça e da Corregedoria de Justiça, bem como a parceria fundamental do Estado através da Secretaria da Mulher, trazendo até a comarca as carretas”, observou Larissa Tupinambá, coordenadora do evento em Pedreiras.
Veja o vídeo do evento:
As carretas começaram a atender nove da manhã e, simultaneamente, foi realizada a abertura oficial do evento, com a presença de diversas autoridades, entre as quais a juíza Larissa Tupinambá (3ª Vara de Pedreiras), Artur Gustavo do Nascimento (juizado Especial Cível e Criminal de Pedreiras), Ana Gabriela Ewerton (2ª Vara de Pedreiras e, na oportunidade, representando a corregedora-geral Anildes Cruz), desembargadora Angela Salazar (presidente da Coordenadoria Estadual da Mulher do Tribunal de Justiça), desembargador Jorge Rachid, Antônio França (Prefeito der Pedreiras), Fred Maia (Prefeito de Trizidela do Vale, Eudna Costa (Prefeita de Bernardo do Mearim), Pedro Bezerra (representante da Ordem dos Advogados do Brasil em Pedreiras), representantes da Polícia Civil na comarca, representantes do Poder Legislativo de Pedreiras e Trizidela do Vale, além de secretários municipais das duas cidades
ACORDOU CEDINHO – Dona Francisca das Chagas estava aguardando atendimento para fazer uma mamografia. Ela tem 72 anos e mora na localidade Jerusalém. Ao saber, pela televisão, da realização da semana da mulher, ela não perdeu tempo e acordou cedinho, sendo uma das primeiras atendidas. “Acordei cedo e vim com minha filha. É uma dificuldade muito grande a gente conseguir consulta para mamografia. Quando a gente soube que ia ter na praça, eu disse logo pra ela me trazer. É um trabalho bom, e ainda mais de graça, né”, disse ela.

Ana Tereza Costa, de 22 anos, foi outra que veio de fora. Ela saiu de Lima Campos e foi até Trizidela do Vale, com o objetivo de tirar novos documentos. “Eu estava sem o CPF, que eu perdi. Agora a gente pode tirar aqui sem custo nenhum. É uma grande ajuda principalmente pra gente”, disse ela, que foi até Trizidela do Vale de carona. “Esse evento é de uma grandiosidade e de um alcance social fantástico. Quando me direcionei para cá, não imaginei que teria essa participação maciça da população em plena praça pública. O trabalho de Larissa é de uma sensibilidade elogiável”, declarou o desembargador Jorge Rachid, observando o atendimento na carreta.
Para a desembargadora Angela Salazar, coordenadora do CEM Mulher do Tribuna de Justiça do Maranhão, a repercussão do evento em Trizidela do Vale não foi surpresa. “Não, não é surpresa. Larissa já promoveu ano passado uma ação desse quilate e mostra-se apaixonada pelas causas sociais. A mobilização da população está sendo enorme e a união dos três poderes e sociedade, principalmente no que se refere ao enfrentamento da violência de gênero, faz-se necessária. Precisamos desenvolver políticas adequadas para erradicar ou minimizar as ocorrências de violência contra a mulher”, frisou.

O diretor do PROCON e do VIVA, Duarte Júnior, representou o governador Flávio Dino na abertura, e enalteceu a iniciativa do Judiciário. “O caminho para mudar a realidade na qual vivemos passa pela união de todos, dos poderes executivo, legislativo e judiciário, através de grandes ações como essa. Aqui, nessa iniciativa do tribunal, o governo se faz presente através de diversas ações gerenciadas pela Secretaria de Estado da Saúde e da Secretaria de Estado da Mulher e aqui, todos estão garantido não apenas a orientação e o atendimento, mas também esclarecendo sobre direitos da mulher”, disse. Fred Maia, Prefeito de Trizidela do Vale, observou que “o Município colocou à disposição do Judiciário e da população uma grande estrutura, como a unidade de saúde, escola, praça e tudo mais o que foi solicitado, no sentido de atender adequadamente as mulheres de Pedreiras e de Trizidela do Vale”.

O advogado Pedro Bezerra, enfatizou que a OAB não poderia ficar de fora de um evento tão grande para os municípios. “É admirável o trabalho da juíza Larissa Tupinambá, é uma ação que vai ser de grande repercussão. Ela e os outros juízes têm desenvolvido um grande trabalho na comarca”, disse ele, explicando que a OAB estará durante os três dias com uma sala para atendimento e orientação gratuita, principalmente às mulheres com ações de alimentos, tutela, curatela, guarda, adoção. “A intenção é a mediação e, não sendo possível, culminar com ajuizamento das ações perante a 3a Vara de Pedreiras”, finalizou o advogado.
Continua...


AGENDA - Para a quarta-feira, dia 12, estão programados: Palestra na carreta; Minicurso Silêncio dos Inocentes, na Escola Messias Rodrigues tendo como mediador núcleo psicossocial do fórum; Minicurso mãe solteiras Escola Messias Rodrigues, tendo como mediadora professora Ana Virgínia. No fim da tarde acontecerá o aulão de ritmos. Pela noite, um desfile com mulheres selecionadas na página do Facebook após um dia de beleza e transformação com produção de maquiagem e cabelo e, para finalizar, a noite típica com danças juninas e tradicionais.
No dia 13, quinta-feira, acontecem: Minicurso Simone Beauvouir na Escola Messias Rodrigues; Premiação dos desenhos vencedores apresentados nas escolas envolvendo o Combate à violência de gênero. No final da tarde tem aeróbica. Às 19h acontece a ‘Noite Cultural’ com apresentação de artistas enaltecendo o universo feminino.
O evento oferece durante os três dias: Espaço da Beleza: com serviço de cabeleireiro, sobrancelha e curso de maquiagem; Espaço saúde com consultas médicas, odontológica, distribuição de kits de higiene bucal, ultrassom, vacinação, endoscopia, mamografia, preventivo, testes rápidos de glicemia, HIV, hepatite C, medição de pressão e glicemia; Espaço cidadania com expedição de RG, CPF, certidão de adolescentes, segunda via da certidão de nascimento, casamento, cartão do SUS, e assistência jurídica; E espaço lúdico para as crianças com pula-pula, algodão-doce, pipoca e brincadeiras, fisioterapia, nutrição e oficinas de artesanato.

Michael Mesquita
Assessoria de Comunicação
Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão

Nenhum comentário:

Postar um comentário