quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Câmara Municipal de Pedreiras deve votar o projeto que altera o código tributário do município nesta quinta-feira


Notinha da noite

O projeto tem 83 laudas
A sessão ordinária da Câmara Municipal de Pedreiras (MA), desta quinta-feira (28), promete ser marcada por acalorados debates em torno do Projeto de Lei Complementar nº 009/2017, enviada pelo prefeito Antônio França; a mensagem do prefeito faz importantes alterações no código tributário do município.

De acordo com o vereador Elcinho, a ordem do Executivo é para ser votado na sessão de desta quinta.

“O Projeto de Lei Complementar que altera o sistema tributário, contem 83 laudas, recebemos ele ontem, dia 26, temos apenas hoje para discuti-lo; é algo muito estranho, o prefeito quer empurrar esse projeto que chamo de “Pacote de Maldades” a toque de caixas  para ser arrecadado cerca de um milhão de reais em cima dos contribuintes de Pedreiras, nessa época do arroxo, de crise e de falta de oportunidades. Já teve uma reunião na Câmara e a ordem é para ser votado amanhã. Somos apenas três vereadores da oposição, eu, Robson e o profiro, mas vamos tentar na forma regimental, pedir vista para ele ser debatido com mais tempo e amplamente”, disse.

Confira a justificativa do prefeito.

 
Portanto, na sessão da Câmara Municipal de Pedreiras, o Projeto de Lei Complementar que altera o código tributário tem tudo para ser votado.

Confira mais informações sobre o Projeto em continua....











15 comentários:

  1. O PREFEITO QUER ARRUMAR UM JEITINHO DE AUMENTAR OS IMPOSTAS, QUE JÁ SÃO MUITOS ALTOS PARA CIMA DA POPULAÇÃO E ASSIM CONSEGUIR ARRECADAR AINDA MAIS PARA AMENIZAR A FOME DE TRIBUTOS. EM UM TEMPO DE CRISE FINANCEIRA PROFUNDA QUE ABALA TODO O PAÍS E OS MUNICÍPIOS, PRINCIPALMENTE AS POPULAÇÕES MAIS CARENTES, ISSO SE CHAMA TOMAR O MINGAU DA BOCA DAS CRIANCINHAS POIS OS SEUS PAIS, TERÃO QUE SACRIFICAR AINDA MAIS FINANCEIRAMENTE PARA CUMPRIR COM OS IMPOSTOS DO IPTU, TAXAS MUNICIPAIS, TAXAS SOBRE SERVIÇOS LOCAIS, ALVARÁS DE FUNCIONAMENTO, ATÉ PARA A VENDA DE BOLO E PASTEL, E QUEM SABE, ATÉ A COBRANÇA DE IMPOSTOS PARA VENDEDORES DE BALINHAS E DOCINHOS NA AVENIDA RIO BRANCO E PRAÇA DO JARDIM. ESSA É A MUDANÇA QUE ESTÁ ACONTECENDO.
    MAS SÓ QUE ISSO PODE DESENCADEAR UMA ONDA DE PROTESTOS TÃO GRANDE, JAMAIS IMAGINÁVEL CONTRA O PREFEITO E SEUS VEREADORES COMANDADOS E CÚMPLICES DO SISTEMA. A UNICA MANEIRA É NÃO PAGAR NADA E PRONTO, POIS A CLASSE DOS MENOS FAVORECIDOS, NUNCA PAGARAM MESMO ESSES IMPOSTOS, NEM MESMO O IPTU.

    ResponderExcluir
  2. Vereador Bruno Curvina28 de setembro de 2017 08:04

    Nobre vereador não compareceu à reunião e por isso não entendeu nada de que se trata o projeto. O mesmo é fruto que uma resolução do conselho nacional dos município, juntamente com a FAMEM que visa trazer os impostos arrecadados em nossa cidade para serem investidos aqui e não mais na sede do banco em questão que era quem estava se dando bem às custas dos outros municípios. Por exemplo, os impostos do ISS arredados pelo Banco do Brasil aqui em Pedreiras eram transferidos para alguma cidade em SP que sediava o banco. Com esse projeto o imposto arrecadado retorna pro município de origem, no caso fica na cidade. Pedreiras só tem a ganhar, quem perderá é alguma cidade bem longe que não tem nada a ver conosco.

    Interessante a participação popular amanhã na câmara.

    Em momentos de crise essa arrecadação trará uma renda extra pra nossa cidade que vira a calhar.

    Espero que os nobres vereadores compareçam todos a sessão para discutir em plenário.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vereador já basta o que vcs já estão fazendo com o município...acham pouco ainda querem esfolar o contribuinte!

      Excluir
  3. Vereador Bruno Curvina28 de setembro de 2017 08:06

    Espero que leia o projeto pra não chegar lá mais uma vez sem entender do que está falando

    ResponderExcluir
  4. Nossa cidade precisa de oposição assim, forte, perspicaz, inteligente. Não aquela oposição fraca que só argumenta por não gostar do governo que está no poder.

    ResponderExcluir
  5. Estamos querendo dinheiro pro município vereador, é quase 1 milhão, não podemos perder essa oportunidade de trazer investimentos pro município

    ResponderExcluir
  6. Vereador estou torcendo é pra que vcs trabalhem...até agora só usufruindo das licitações direcionadas e nosso povo continuando sem o mínimo de atendimento. Postos de saúde sem materiais básicos, exames a conta gotas, Raio x quebrado, filas na Madrugada para um atendimento...

    ResponderExcluir
  7. Vereador Bruno Curvina28 de setembro de 2017 08:12

    É só uma lei complementar na lei que já existe aprovada pela Câmara passada em 2014. Quando entender a lei com certeza vai votar nela.

    ResponderExcluir
  8. Da forma que acontece hoje e do jeito que o povo ver mais um milhão, na mão de governo é mais dinheiro sendo desviado.

    ResponderExcluir
  9. Vereador de oposição tem que ter seus limites, n pode torcer contra o município.

    ResponderExcluir
  10. Como disse...o prefeito enviou um projeto que batizei de pacote de maldades, e justamente contra os mais humildes. Costureiras,desenhistas,profissionais que trabalham com tatuagens e piercing e,agricultores. Tributar quem já agoniza para pôr o sustento da família é covardia. Ainda bem que de forma democrática os vereadores entenderam o que isso causaria aos mais humildes e suprimimos estas maldades do projeto. No corpo do projeto até pra morrer tinha-de que pagar um tributo.Um absurdo! Quanto ao projeto que transfere para o município impostos que antes ficavam nas prestadoras de serviços em seus estados de origem, este sim aprovei e votei pois faço política pelo bem do povo e da Cidade, pois nele não ha danos contra a cidade e o nosso povo.

    ResponderExcluir
  11. Querem esfolar o povo aplicando um pacotede maldades vcontratodos .
    Aqui em Esperantinopolis, parece que estão falando de um tal pacote de impostos que o prefeito mandou para os vereadores aprovarem e então, todas as pessoas terão que pagarem umas taxas de IP TU E OUTROS IMPOSTOS.
    É muita maldade.

    ResponderExcluir
  12. Esse projeto não vai ser aprovado na Câmara, e se os imbecis dos Vereadores aprovarem, vão serem vaiados e vão virar pixulecos de mangofa até o dia da eleição e não serão reeleitos por compactuar com as maldades do prefeitinho fominha doido para encher os bolsos com impostos pagos pelo povo sofredor.

    ResponderExcluir
  13. O amigo Lula,Vereador aqui de Esperantinópolis, passou em minha casa hoje à tarde e me mostrou uma cópia de um projeto igualzinho esse aí de Pedreiras, que também é recheado de maldades contra todos nós, onde o Prefeito, pede para os Vereadores aprovarem um monte de impostos que ele deseja arrecadar com esse dito código tributário. Ele apresentou toda a papelada pra mim e também para mais dois Professores colegas meus que estavam presentes e uma outra pessoa que é meu vizinho e é vendedor ambulante e disse par nós, que vai fazer o que for possível, para barrar essa imundice que na verdade, ele classificou de 'ASSALTO À POPULAÇÃO VIA CÂMARA MUNICIPAL PARA COBRAR MUITOS IMPOSTOS E ARRECADAR MUITO DINHEIRO". Disse também, que vai recorrer na justiça, porque o pacote de maldades daqui, veio fechado e nenhum Vereador, sequer teve tempo de tirar o lacre para conhecer o conteúdo do pacote que tem como objetivo, apunhalar e sangrar os bolsos de todos os moradores, principalmente os mais fracos e frágeis. Quanta maldade aqui e aí! Não era essa a mudança que queríamos em nossa cidade, mas agora não tem mais jeito até 2020, e PODEMOS, começar logo agora no próximo ano 2018. Os Vereadores de nossa cidade que aprovarem esse embrulho de maldades, vão serem duramente castigados nas urnas e de imediato, nas redes sociais. É aguardar para conferir depois em seguida.

    ResponderExcluir
  14. Aumentar a carga tributária em uma situação financeira como vivenciamos atualmente, é matar o povo com veneno a conta gotas, bem devagarinho, até que dê o ultimo suspiro.
    Alguém tem que tomar providências com essas aberrações pois isso é incabível num momento desse em que muitos dos nossos moradores, já estão é passando fome, pois não tem dinheiro nem para comprar um kg de farinha, imagina, pagar IPTU e outros impostos, e ainda mais com uma nova tabela ainda maior que a atual. O diabo, também atua na função de Prefeito e Vereador, pois tanta maldade, só mesmo sendo provinda de satã, que é o pai da maldade e triunfa quando as pessoas estão sofrendo. salvá meu pai eterno todo poderoso, acuda-nos urgente!!!

    ResponderExcluir