terça-feira, 28 de novembro de 2017

“Hoje é um dia especial”, decretou o mototaxista Nicolau

Vídeo

A Câmara Municipal de Pedreiras (MA) recebeu um grande número de mototaxistas que atua na cidade. A categoria estava presente na sessão ordenaria desta segunda-feira (27), em que foi apresentado o projeto enviado pelo executivo municipal, que regulariza o trabalho de mototaxista em Pedreiras. O projeto de Lei foi devidamente apresentado e desceu para ser examinados pelas comissões da Casa. Espera-se que na próxima sessão, dia 4 de dezembro, o Projeto de Lei dos Mototaxistas seja aprovado, sem alterações, como deseja a categoria. Os vereadores presentes confirmaram que votarão a favor do projeto. Sobre o assunto, o blog do Carlinhos entrevistou Nicolau, presidente da Associação dos Mototaxistas de Pedreiras e Trizidela do Vale. Confira na entrevista.  

Emenda Gírio 

Ainda sobre o assunto, durante a sessão, o vereador Elcinho sugeriu uma interessante alteração na Lei: a Prefeitura deve construir coberturas em todos os postos de mototáxistas na cidade para proteger os profissionais das intempéries do tempo, como do sol e chuva. “O professor trabalhar debaixo de um teto, o dentista trabalha debaixo de um teto, por que os mototáxistas também não tenha esse direito?”
Elcinho foi aplaudido pela categoria que tomava de conta da galeria da Câmara.


Empresários de Pedreiras ...



Nesse ponto, o vereador Totinho Sampaio pediu a palavra; ele disse que a iniciativa privada poderia fazer essas coberturas, em troca de publicidade no local. “Na rodoviária tem um toldo com publicidade, a jaqueta dos mototaxista tem publicidade; isso serve como exemplo. Não precisamos onerar o município com mais essa despesa, tenho certeza que os empresários estarão interessados em fazer esses postos, essas coberturas em troca de publicidade”, disse.
A vereadora Ceiça, que na ausência do presidente Bruno Curvina, presidiu a sessão, comentou que a alteração na Lei proposta pelo vereador Elcinho é interessante, porém, atrasaria a votação da mesma. “Vamos analisar o projeto de lei do jeito que foi enviado á Câmara e depois da aprovação, vamos fazer essa sugestão em forma de indicativo ao prefeito”, aconselhou.
A maioria dos mototaxistas presentes chegaram à Câmara com cartazes, informados que o Projeto de Lei da categoria deles seria votado nesta sessão. "Eu já expliquei para a classe, agora a pouco, que existe um trâmite interno obrigatório. O Projeto tem que ser analisado pelas comissões da Câmara e depois com o parecer dessas comissões é que apresentado para votar", explicou o vereador Filêmon Neto, líder do governo. 
A sugestão da vereadora Ceiça foi acatada pelos colegas.
Vereadora Ceiça presidiu a sessão com elegância e experiência 
E a sessão seguiu... 

Ainda 


Momento tenso

A Leitura do Projeto dos Mototaxista durou quase uma hora. Após a leitura, o plenário começou a discutir o projeto. Os mototaxistas estranharam. Alguns esperaravam que o mesmo fosse votado e aprovado imediatamente, naquela sessão. Então, o vereador Gard Furtado, no uso da palavra, demorava-se nos elogios à categoria dos mototaxistas. Demorou tanto que alguns profissionais começaram a ir embora. Nicolau, presidente da Associação, percebendo que a galeria estavam se esvaziando, os companheiros indo pra casa, ficou irritado, se aproximou da mesa do vereador Gard e disparou.

“Vereador, apresse – se em nossa votação da Lei”, ordenou.
Confira aqui, neste vídeo a partir de 4min. e 45 seg.

Todos foram pegos de surpresas. Depois...

O projeto não foi votado ... 

Os vereadores Filemon Neto, Gard e Elcinho tiveram que ir a galeria explicar normas do regimento da casa. "O projeto foi apresentado hoje, ainda tem que ser analisado pelas comissões da Câmara e somente depois de relatórios com pareceres é que será votado. Deve ser votado na próxima semana..." Explicou. A categoria entendeu. 

3 comentários:

  1. Esse Nicolau é um mau representante da classe ele fura todos os sinais e com passageiros na garupa e para quem é representante da classe querer tirar quem já é legalizado é uma fronta a classe.

    ResponderExcluir
  2. Vereadora Ceiça deveria ser Presidente da Câmara, ela sim tem a experiência da Boa política.

    ResponderExcluir
  3. Esse projeto vai desempregar dezenas de mototaxistas..pais de famílias

    ResponderExcluir