terça-feira, 26 de dezembro de 2017

Dino: Tirar Lula da eleição é suicídio político


O governador do Maranhão, Flávio Dino (PC do B), reforçou a defesa à candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência em 2018:  "Se a elite brasileira tivesse um pouquinho de espírito nacional, e menos espírito de Miami, concordaria que Lula é importante para o Brasil. [Tirá-lo] abre espaço para uma aventura que seria Bolsonaro presidente, um suicídio nacional e coletivo", afirmou; "A candidatura dele é fundamental, imprescindível. Só há eleições livres com ele sendo candidato", completou; Dino criticou ainda a família Sarney e disse que o clã está com "abstinência de recursos públicos"

Fonte: Brasil 247

11 comentários:

  1. Miami é? Por isso que os Estados Unidos é anos Luz à frente do Brasil, quem já foi presidente eleito e reeleito não volta mais. O Bolsonaro quer fazer do país uma Miami e o Lulalao do Brasil uma Venezuela! Kkkkk Cadeia no Ladrão!

    ResponderExcluir
  2. O Brasil está em um grande passo de se tornar uma Venezuela se esse sapo barbudo voltar

    ResponderExcluir
  3. Ele quer fazer igual o Lula,roubar o Maranhão como Lula roubou o Brasil.pq em 3 anos foi tirado da saúde quase 19 milhões e se passar 40 como os Sarney quanto vai desviar? Prestem atenção maranhences.

    ResponderExcluir
  4. Cadeia nesses dois comunistas safados

    ResponderExcluir
  5. Num intenso, se tirar O Molusco da jogada é suicídio como é que seu partido tem candidato próprio, pelo visto vai se filiar ao PT e apoiar o Lula

    ResponderExcluir
  6. http://www1.folha.uol.com.br/poder/2017/12/1946006-elite-brasileira-tem-de-ter-menos-espirito-de-miami-diz-flavio-dino.shtml

    A fonte desta reportagem é a UOL

    ResponderExcluir
  7. Já era Dino. Roseana de novo e vamos e de Bolsonaro tbm

    ResponderExcluir
  8. Flávio Dino deveria se preocupar com eleição dele, Roseana na tua cola malandro!!

    ResponderExcluir