sexta-feira, 23 de março de 2018

Câmara de Pedreiras se movimenta para eleger a mesa diretora para o biênio 2019/2020




Presidente Bruno Curvina almoçou ontem com colegas das bancadas da oposição e da situação 
Os vereadores da Câmara Municipal de Pedreiras estão se movimentando para colocar em votação a eleição da Mesa Diretora do biênio 2019/2020, portanto, a 9 meses antes de encerra o mandato da atual Mesa Diretora, que inclui o cobiçado cargo de presidente da Câmara.

De acordo com o atual presidente da Casa Legislativa, vereador Dr. Bruno Curvina, não se trata de antecipação da votação. Os vereadores estão seguindo o que determina o Regimento Interno da Câmara Pedreirense.

“Na realidade não se trata de uma antecipação, o Regimento Interno da Casa diz que a eleição da presidência pode ser feito no segundo ano de mandato, do dia 1º de janeiro até o dia 31 de dezembro. Essa lei é antiga e estará sendo seguida a risca. Então, a Mesa Diretora é que escolhe a data; na próxima segunda-feira, dia 26, vai ser a convocação dos vereadores e outra segunda, que cai no dia 2 de abril, acontece a eleição”, explicou Dr. Bruno Curvina.

A alteração no Regimento Interno que permite a eleição sem data prevista no segundo ano de mandado dos vereadores foi criada na gestão do então presidente vereador Robson Rios, em setembro de 2014. Robson Rios foi reeleito vereador nas eleições de 2016 e hoje faz parte da bancada da oposição na Câmara.

O blog foi informado que um vereador da oposição questionou a eleição da Mesa Diretora para esses dias. O presidente Bruno Curvina respondeu com bom humor. “Pergunte para Robson Rios, foi ele que fez essa mudança no Regimento da Câmara, quando ele era presidente”, disse.

Na época, Robson Rios foi beneficiado com a mudança, conseguindo se reeleger ao cargo de presidente da Câmara Municipal de Pedreiras.
Vereador Robson Rios alterou o R.I. em 2014, quando era presidente da Câmara 

Ainda sobre a eleição da Câmara Municipal de Pedreiras para o começo de abril, ontem, no Restaurante do João, no Bairro Mutirão, alguns vereadores almoçaram com o colega presidente Bruno Curvina. Não tenha dúvida que o médico articula continuar a frente da Câmara nos anos de 2019 e 2020.

O Regimento Interno permite a eleição da Mesa Diretora em abril deste ano

6 comentários:

  1. SE BOTAR UMA RATOEIRA NESSA CÂMARA SÓ PEGA LEÃO

    ResponderExcluir
  2. Deveriam se reunir pra colocar o Robson Rios pra presidente , ou o governo teme por isso , sera se tem rabo preso esses vereadores

    ResponderExcluir
  3. Carlinhos a assessoria Jurídica e o Presidente da Câmara estão equivocados, ou mal assessorados juridicamente. Resolução não altera Lei e nem revoga. Somente Lei Altera ou Revova Lei. Então essa Resolução ai alterando a Lei do Regimento Interno é totalmente inconstitucional. Então resolução não pode modificar Lei. Deveriam ter feito uma Lei para alterar. Com isso é ofensa a Lei.

    ResponderExcluir
  4. É o churrasco da reeleição! Me engana que eu gosto.

    ResponderExcluir
  5. Este mesmo Regimento Interno tem alguma cláusula onde afirma que o Presidente tem que ser presente na Câmara????? Sim não é possível, porque o atual Presidente é visto apenas raramente em seções, isso quando vai. Bom tem que ser mais dedicado.

    ResponderExcluir