sábado, 2 de junho de 2018

Homem é assassinado a tiros em Lago do Junco


Um homem foi assassinado a tiros na estrada MA-119, no trecho entre a cidade de Lago do Junco e o povoado Abelha, nesta noite de sábado  (02).

De acordo com informações de nossos leitores de Lago do Junco, o vaqueiro Márcio Rodrigues Nascimento, mais conhecido  como "Nego Boiadeiro" estava conduzindo uma motocicleta e foi atingido por tiros na cabeça. Ele morreu na hora.  


Testemunhas que ouviram os tiros disseram que foi por volta das 21h. Após o crime, o assassino ou assassinos se evadiram. 


O corpo de Nego Boiadeiro foi levado para o hospital de Lago do Junco e depois encaminhado por familiares para Lago da Pedra.


Ele era gerente da Fazenda do Prefeito Osmar Fonseca, no povoado Riachão, localidade onde residia, na zona rural de Lago do Junco.

Ainda segundo informações, tudo indica que a vítima foi morta durante tentativa de latrocínio (roubo seguido de morte). Ele gostava de usar peças de ouros (cordões, pulseiras, anéis) e os criminosos provavelmente visaram esses objetos, porém, eles não tiveram tempo de levar os objetos. A polícia civil abriu procedimentos para descobrir a autoria e motivação do crime. 

Até o momento ninguém foi preso. 

Nego Boiadeiro deixa mulher e quatro filhos.

2 comentários: