terça-feira, 28 de agosto de 2018

Casa de Apoio para pedreirenses em São Luís: relatos de vizinhos e hóspedes destacam humanização no atendimento


Casa de Apoio Lorinha Assaiante - Um pedacinho do amor de Pedreiras em São Luís ...
Cumprindo seu papel de dar apoio aos pedreirenses na hora difícil da dor, a Casa de Apoio Lorinha Assaiante já coleciona elogios de seus usuários, e até mesmo de moradores do Bairro Cohatrac II, onde está situada em São Luís. Durante a inauguração, alguns destes vizinhos fizeram questão de comparecer e fizeram relatos de como acompanham o dia-a-dia da instituição, dos servidores, dos hóspedes e os esforços da gestão para manter o trabalho.

A Casa de Apoio Lorinha Assaiante poderia ser uma pensão comum, daquelas que as pessoas se hospedam por um dia, depois pagam a conta e vão embora, mas a diferença em relação a este modelo tradicional é enorme. Com serviços de hospedagem, alimentação, acompanhamento por uma equipe de profissionais como assistente social, enfermeira, cozinheiras e nutricionista, além de motorista com transporte próprio para o deslocamento dos pacientes em tratamento, tudo mantido pela Prefeitura de Pedreiras em parceria com a Associação Renascer Amigos da Vida e colaboradores.
 Prefeito Antônio França e o presidente da ONG Renascer pela Vidas, Alexandre Assaiante, 
Há ainda na casa o calor humano, o carinho, o aconchego, como se fosse a extensão do lar de cada um que ali chega, e mesmo distante de Pedreiras, é um pedacinho da “Princesa do Mearim” cravada na capital maranhense. Um pedacinho especial de esperança que se renova diariamente, quando as pessoas que chegam são encaminhadas, tratadas e saem curadas de seus males físicos, e muitas das vezes, até mesmo dos espirituais. A Casa de Apoio Lorinha Assaiante já é uma referência de trabalho solidário com muito humanismo.

A pedreirense Missilene da Cruz, estava hospedada com seu filho, que sofreu um acidente e teve queimaduras nas mãos, com riscos de comprometimento físico do garoto. Na Casa de Apoio ela recebeu toda a atenção e os encaminhamentos para seu tratamento já foram realizados num trabalho da equipe comandada pela coordenadora da instituição, Cida Feitosa, que é assistente social

“Quero agradecer a Deus e ao prefeito Antônio França pelo acolhimento não só de pessoas com câncer, mas também com outros problemas, como é o meu caso, que estou cuidando do meu filho. Não conheço outro prefeito em Pedreiras que tenha feito um trabalho como este”, disse Missilene.
 
Moradora do Cohatrac II e vizinha da Casa de Apoio, Vera Palácio é uma carioca que veio do Rio de Janeiro há mais de 20 anos e até hoje vive em São Luís. Ela disse que acompanha os trabalhos desde o início e que muitas vezes esteve lá para prestar seu apoio.

“No começo era bem simples, agora está bem estruturada, e eu venho sempre oferecer ajuda, numa dessas vindas, conheci o prefeito através da Cida. Eu o admiro muito pelo trabalho que vem fazendo, pelo apoio ao seu povo, pela humanidade com que ele trata as pessoas. Lembro do caso de uma garota de Pedreiras que estava muito mal e ele mesmo vinha, levava ela no seu próprio carro para o Socorrão e cuidava dela. Acho o trabalho dele neste âmbito da humanização perfeito, nota mil”, disse a moradora Vera.

O auxiliar de serviços gerais Alan Araújo mora em Pedreiras e precisa fazer uma cirurgia de próstata em São Luís, está na Casa de Apoio esperando a hora de passar pela intervenção cirúrgica, e recebeu da equipe toda a atenção e apoio. 

“Já é a quarta vez que venho e sempre fui bem acolhido. Acho muito importante essa casa para nós que moramos lá em Pedreiras e precisamos fazer tratamento e saúde aqui em São Luís, então só tenho a agradecer ao prefeito Antônio França e toda a equipe desta casa”, disse o pedreirense.

Outro morador do Cohatrac II, Elezafan Martins, também vizinho da casa, destaca a importância do trabalho. 

“Isso aqui é uma ação social que deveria ser copiada por outros prefeitos, porque é um exemplo para o todo o estado do Maranhão. Sempre passo aqui e vejo o trabalho desta casa. Nem conhecia esse senhor (o prefeito), e estou conhecendo hoje, mas como morador e vizinho, acompanho esse trabalho de apoio ao povo de seu município, vejo aqui as dificuldades e os esforços de sua equipe, aqui tem alimentação, transporte e apoio, então acho importantíssima essa casa para o povo lá de Pedreiras”, ressaltou o vizinho.
 
A Casa de Apoio Lorinha Assaiante é mantida pela Prefeitura de Pedreiras em parceria com a Associação Renascer Amigos da Vida e colaboradores, embora tenha sido inaugurada no último sábado (25/08), já está em funcionamento desde meados e 2017, já tendo atendido quase mil pessoas.









Mais 

Prefeito Antonio França inaugura casa de apoio “Lorinha Assaiante" em São Luís


Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Pedreiras 

Nenhum comentário:

Postar um comentário