quinta-feira, 16 de agosto de 2018

Condenado e preso pela Lava Jato, Lula registra candidatura a presidente



Inscrição oficial da chapa do ex-presidente - com Fernando Haddad como candidato a vice - foi acompanhada por cerca de 4.000 manifestantes no entorno do TSE 
Manifestante participa de ato de apoio a Lula durante inscrição da candidatura do ex-presidente no TSE (Ueslei Marcelino/Reuters)
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), condenado e preso pela Operação Lava Jato por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no processo envolvendo um tríplex no Guarujá, registrou oficialmente no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a sua candidatura a um terceiro mandato como presidente da República – ele foi eleito pela primeira vez em 2003 e reeleito em 2006.

O ato do registro, feito no final da tarde desta quarta-feira, 15, foi acompanhado por cerca de 10.000 manifestantes, segundo a Polícia Militar, que ocuparam o entorno do TSE – a grande maioria é formada por militantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e por outros movimentos sociais que apoiam o petista.

A chapa foi registrada com o nome “O Povo Feliz de Novo”. O ex-presidente Lula foi identificado como “torneiro mecânico” no quadro “ocupação”.

 (reprodução/Reprodução)

Continua...

O pedido de registro foi entregue pela presidente do partido, a senadora Gleisi Hoffman (PT-PR), o vice formal na chapa de Lula, Fernando Haddad, a deputada estadual Manuela D’Ávila (PCdoB-RS) – que será a vice de fato tanto no caso de Lula ter a candidatura confirmada quanto na hipótese de ele ser barrado pela Justiça e substituído por Haddad – e a ex-presidente Dilma Rousseff.

Em discurso antes de entrar no TSE para registrar a candidatura, Gleisi manteve o tom de que o ex-presidente é um “preso político”. Segundo a senadora, o registro ocorre “a despeito dos que não queriam, dos que deram o golpe e tiraram Dilma, dos que tiraram os direitos dos trabalhadores, dos que julgaram e condenaram Lula sem provas. Estamos aqui hoje de cabeça erguida para dizer a eles que não tivemos medo, acreditamos no povo brasileiro e na caminhada que nos propusemos a fazer e estamos aqui pelos direitos do povo”.

Já Haddad afirmou que o registro da candidatura “põe fim ao golpe de 2016 (impeachment de Dilma), que abalou os alicerces da nossa democracia”. Para o ex-prefeito paulistano, não há nenhum dispositivo que impeça a candidatura do ex-presidente de ser registrada.

Sobre como será a campanha sem Lula, Haddad e Manuela disseram que vão se dividir em viagens nos estados para tentar compensar a falta de participação nos debates eleitorais. “Somos militantes e estamos no lugar que sabemos estar. Fazendo campanha, pedindo voto e dizendo que o Brasil pode ser feliz de novo”, disse.

Em relação à participação nos debates eleitorais, Haddad falou que o desejo do partido é que o “próprio Lula participe”. “O Código Eleitoral é claro ao dizer que Lula tem o direito de participar de [propagandas no] rádio e TV”, declarou.
Fonte: Veja

25 comentários:

  1. Flávio Dino, Dr Raimundinho e Vinicius louro desviaram o dinheiro do asfalto do povoado Palmeiral e agora quem poderá nos salvar kkk

    ResponderExcluir
  2. O asfalto do povoado Palmeiral vai ser feito por qual construtora responde aí secretaria da transparência de Esperantinopolis

    ResponderExcluir
  3. O asfalto do povoado Palmeiral foi motivo de briga entre oa deputados Vinicius louco e Ana sem gás portanto não vamos nos deixar se enganar por esses dois aí não vamos reeleger nenhum desses politicos promessas

    ResponderExcluir
  4. Os agentes de saúde de Esperantinopolis querem saber quando o prefeito vai pagar o retroativo que a justiça concedeu aos agentes responde aí secretaria da transparência

    ResponderExcluir
  5. Alguns canalhas vão ficar irritados mas vou perguntar novamente "o asfalto do povoado Palmeiral vai sair quando responde aí " .

    ResponderExcluir
  6. Os canalhas que ficam irritados são os políticos e alguns puxa saco continua perguntando até uma hora alguém ficar irritado de verdade e fazer esse asfalto do povoado Palmeiral.

    ResponderExcluir
  7. Eu quero é cegar do suvaco se eu ainda perguntar "o asfalto do povoado Palmeiral vai sair quando heim".


    ResponderExcluir
  8. Foi so pra iludir os jumentos

    ResponderExcluir
  9. Pesquisa: Flávio Dino vence no primeiro turno com 61,76%, diz DataIlha
    garroneagosto 15, 2018 Política Sem Comentários


    Divulgada pela TV Difusora nesta quarta-feira (15), um dia antes do início da chamada ‘campanha de rua’, pesquisa realizada pelo Instituto DataIlha revela que se as eleições fossem hoje o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), seria reeleito no primeiro turno com 61,76% dos votos válidos.

    A projeção aponta que Dino venceria a eleição com mais de 28 pontos percentuais à frente da segunda colocada, Roseana Sarney (MDB), que obteve 32,93% das intenções de voto.

    Ainda segundo o estudo, em terceiro lugar aparece Roberto Rocha (PSDB), com 3,19%, seguido de Maura Jorge (PSL), com 1,14%; Ramon Zapata (PSTU), com 0,37% e Odívio Neto (PSOL), com 0,61%

    ResponderExcluir
  10. Tamos juntos companheiro lula 💪

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É SÓ IR PARA CURITIBA E FICAR JUNTO DELE. POIS ELE NUNCA SERÁ CANDIDATO.

      Excluir
    2. Vcs estão em qual cela amigo kkk

      Excluir
    3. Agora é Bolsonaro presidente e Maura Jorge governadora

      Excluir
  11. Vcs estão juntos em qual cela kkkk

    ResponderExcluir
  12. Agora é Bolsonaro presidente e Maura Jorge governadora

    ResponderExcluir
  13. Estão juntos? Como? Presos ou na mesma OC? Atenção polícia, veja aí a confissão, verificar, se não tiver preso, cana nele.

    ResponderExcluir
  14. Ele não registrou, ele deu entrada no pedido de registro como todo os outros, agora se o TSE vai registrar ou impugnar a candidatura é outra coisa

    ResponderExcluir
  15. Só no Brasil mesmo!!acorda povo

    ResponderExcluir
  16. Kkkk Brasil palhaçada kkkkk só aqui mesmo kkkkk pago pra ver 😂😂

    ResponderExcluir
  17. Vergonha ao povo brasileiro ver um partido político querer candidatar um presidiário, condenado, ladrão, corrupto, querendo eleger mafioso desse

    ResponderExcluir
  18. Esse é o Brasil q eu quero ;
    LULA NA PRESIDÊNCIA.

    ResponderExcluir