quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Hildo Rocha busca recursos para construir casas populares no Maranhão



O deputado federal Hildo Rocha se reuniu ontem com a Secretária Nacional de Habitação do Ministério das Cidades, Socorro Gadelha, para tratar sobre projetos habitacionais referentes a alguns municípios do Maranhão. O encontro contou com a presença do prefeito Vagtônio Brandão, de Buritirana e da vereadora Kassi Pompeu. de Barra do Corda.

Alguns dos municípios que tiveram a atenção do deputado Hildo Rocha foram Buritirana, Poção de Pedras, Buriticupu, Matões do Norte, Esperantinópolis e Marajá do Sena, entre outros.

“Buritirana é um dos municípios maranhenses que está cadastrado no Programa Cartão Reforma. Mas a liberação dos recursos ainda está travada. Com relação a Barra do Corda, o município que já foi beneficiado pelo Programa Minha Casa Minha Vida, em outras etapas, não foi contemplado nos dois últimos chamamentos com as unidades destinadas às comunidades indígenas. Estou aqui com a vereadora Kassi para viabilizar os recursos para que sejam contempladas algumas famílias indígenas de Barra do Corda”, explicou Hildo Rocha.
Continua...

Recursos estão previstos no Orçamento da União

O deputado destacou que os recursos para os programas habitacionais do Governo Federal estão assegurados. “Tive a oportunidade de ser o Relator do Orçamento do Ministério das Cidades, para este ano, e destinei quase R$ 1 bilhão de reais para o Maranhão. Graças a esse trabalho, atualmente estão em tramitação, no Ministério das Cidades, inúmeros projetos que foram apresentados por entidades maranhenses”.
 
O parlamentar disse que os critérios exigidos para a aprovação final dos projetos é rigorosa por isso o processo é demorado. “Além disso, se não tiver quem se interesse, quem lute pela liberação dificilmente as entidades conseguem a liberação dos recursos. A reunião teve a finalidade essencial de fazer o acompanhamento, verificar eventuais pendências e, consequentemente, dar celeridade à tramitação dos processos para que os recursos sejam liberados e finalmente as famílias sejam beneficiadas”, explicou Hildo Rocha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário