sexta-feira, 2 de novembro de 2018

Ladrões debocham de mulher e ainda roubam sua casa cinco vezes em Lima Campos

Vídeo da TV Ouro Vivo

Uma mulher (nome não revelado) que mora no interior de Lima Campos vem sendo constantemente incomodada por meliantes. 

Ela afirma que os ladrões já se acostumaram a arrombar e invadir a sua casa e a de seus parentes várias vezes, sempre levando somas de dinheiro e objetos. O que mais impressiona é que eles além de cometerem esses crimes, ainda jogam deboche contra a vítima, que os conhece bem de rosto. 

Em uma entrevista para a Tv Ouro Vivo, a senhora afirma que um dos ladrões é um meio-irmão seu, usuário de drogas e menor de idade (16 anos). Ela foi roubada num total de cinco vezes, sempre pelo mesmo indivíduo. 

Além disso, eles também roubaram mais duas casas de parentes da mulher, a do pai e da filha, sempre através de arrombamentos ou destelhando a casa quando os moradores estavam ausentes.

O clima de insegurança piora já que ela é a única que ainda tem condições de cuidar da mãe, que possui sérios problemas de vista e audição.

Confira acima a matéria da TV Ouro Vivo sobre o caso. 

3 comentários:

  1. Nós desejamos mudanças, mas não saímos da zona de conforto. Queremos que os outros mudem e não mudamos a nós mesmos. No popular, queremos fazer omelete sem quebrar ovos. Se a polícia prender o parente dela, será atacada e chamada de violenta e outros adjetivos desqualificadores. A família do ladrão, junto com os "conhecidos, reclamarão a soltura do mesmo, dizendo "não precisava prender", ou então, "só dois dias preso tava bom", situações não previstas em lei. O fato de sermos bonzinhos e tolerantes com os criminosos, impõe o preço que todos pagam. O que sofremos é consequência de nossa omissão e passividade. No dia que mudarmos tudo será diferente.

    ResponderExcluir
  2. Para um bom analista político, é notório que nome que sobreviveu e mantém-se forte e em evidência hoje é o de Maura Jorge. E pelo que percebe-se pelas redes sociais da representante de Bolsonaro, ela vem crescendo assustadoramente com adesões de comunistas/bolsonarianos e consolidou-se com a direita maranhense. O certo é que, a vitória de Flávio Dino no Maranhão deu-se pela falta de unidade da oposição e se a mesma não se unir em torno de um nome promissor para derrotar o sucessor de Flávio Dino em 2022, perderão novamente. Maura não teve deputados, prefeitos, vereadores, não teve apoio partidário, não teve estrutura financeira e por fim, não teve tempo de TV e mesmo diante dessas circunstâncias conseguiu ter quatro vezes a votação maior que a do senador Roberto e ultrapassou a votação da ex-Governadora em algumas regiões. E vem o questionamento: Imaginem se ela tiver o apoio integral da oposição para 2020 e 2022?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O governador se reelegeu por falta de opção. Acho que a Maura Jorge é uma excelente opção. Pra se consolidar é necessário criar identidade, demonstrar autoridade e independência das oligarquias maranhenses Sarney/Dino.

      Excluir