terça-feira, 26 de março de 2019

Agricultura familiar de Pedreiras tem salto na comercialização e chega a 41% do PNAE


Verificação dos alimentos que serão distribuídos para as unidades escolares.
A Agricultura Familiar está dando um salto de qualidade, na conquista de mercados e garantindo o lucro para o homem do campo. O percentual da aquisição de produtos locais para o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), em Pedreiras saltou de 30 para 41% em 2019. É o resultado de um esforço da Prefeitura de Pedreiras por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, o que garante mais renda para o produtor local e mais qualidade da merenda escolar nas escolas municipais.

O valor de recursos para os fornecedores locais de produtos da agricultura familiar este ano foi fechado com um total 491.062,00 reais, divididos em três projetos contemplando aos membros da Associação de Trabalhadores Rurais de Barriguda dos Nina II, Associação de Moradores do Povoado Trindade e Associação Comunitária de Moradores do Povoado Olho D’água.

Com os contratos assinados, os produtos dos agricultores já estão sendo entregues desde o início do ano letivo. Abóbora, banana, batata doce, cheiro verde, feijão verde, macaxeira, manga, maxixe, melancia, milho verde, pimentão, quiabo e vinagreira, são produtos que continuam no cardápio, e além destes, foi fechado o fornecimento de produtos secundários, como bolo de milho e trigo e polpas variadas de diversas frutas, algo inédito no município de Pedreiras.

PNAE Estadual
Já no PNAE Estadual, que abrange as escolas estaduais Oscar Galvão e Olindina Nunes Freires (Pedreiras), Newton Bello (Trizidela do Vale), dentre outras, a Associação de Moradores do Povoado Santa Emília, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, enviou propostas de vendas, o fornecimento de gêneros alimentícios além de território do município de Pedreiras. Agora os produtos estão sendo fornecidos para a Escola Newton Bello, o Atendimento Escolar Especializado (AEE) e o anexo localizado no povoado Morro dos Caboclos.

As propostas também venceram a chamada pública para o Centro de Ensino Oscar Galvão (Sede e AEE) e Olindina Nunes Freire (Anexo no povoado Marianópolis). “Todos os dias nossa agricultura é agraciada e lembrada por possuir políticas públicas que auxiliam no seu desenvolvimento. Entendemos a agricultura familiar como mãos que alimentam a nação”, ressalta o secretário da pasta, José Wilson (Fifa).

Continua...




Nenhum comentário:

Postar um comentário