quinta-feira, 7 de março de 2019

Professora reclama do atendimento na Caixa Econômica de Pedreiras



Idelean Silva, professora contratada da prefeitura de Pedreiras, encaminhou reclamação ao blog do Carlinhos sobre o atendimento na agência da Caixa Econômica de Pedreiras. Segundo o relato da mesma, em posse da senha, foi obrigada a passar três horas e meia para ser atendida, enquanto pessoas era atendidas, sem senhas.

Leia o relato da professora.

“Fui a Caixa Econômica, (agência de Pedreiras), para abrir uma conta. Cheguei lá, peguei minha senha, como todo cidadão faz. Eram 12h24, da sexta-feira (1º).

Naquele momento, uma senhora e uma moça, ambas não possuíam senha, pediram informações e foram atendidas sem senha.

Por volta das 14h00, a mesma moça retornou e mais uma vez furou a fila. Ou seja, não tinha senha, mas foi novamente atendida. E esse atendimento demorou...

Questionei a situação com o gerente e o mesmo fez pouco. Ele disse que iria ver, mas não resolveu nada.

Não estou me vitimando, mas eu me senti ofendida e discriminada pelo fato de ser lesada em meus direitos por um gerente e uma atendente que não tem respeito pelas pessoas que procuram atendimento na Caixa Econômica de Pedreiras.

A mesma atendente falou que a moça tava agendada, que a mesma tinha ligado para ela, mas até onde eu entendo, a moça teria que pegar a senha e esperar ser atendida. Acabei saindo de lá às 16h00. (A professora chegou a agência às 12h24).

O meu questionamento é esse: alguns bancários não respeitam as pessoas humildes que precisam de atendimento.

Ainda sobre a minha reclamação, na sexta-feira, essa mesma moça estava na Caixa também, assim como eu estava, para abrir conta e o sistema não estava disponível. E o que me intriga mais e que ela chegou depois de mim e foi atendida imediatamente.

Professora Idelean Silva 

Senha registra que a professora chegou aàagência às 12h24

Imagens registradas pela professora de pessoas que supostamente furaram a fila e foram atendidas sem a senha 


Direito de resposta

O blog do Carlinhos não conseguiu entrar em contato com a gerência da Agência da Caixa de Pedreiras, caso queira enviar uma nota de esclarecimento (pf.carlosalberto@hotmail.com).

4 comentários:

  1. Isso acontece muitos principalmente se a pessoa for pobre ,chega os ricos e são atendido sem senha já presenciei isso varias vezes

    ResponderExcluir
  2. No banco de Igarapé Grande, também é assim

    ResponderExcluir
  3. No banco de Igarapé Grande, também é assim

    ResponderExcluir
  4. Existe um canal direto com a Ouvidoria da Caixa e ainda os clientes podem contar com a Superintendência do Banco, para que os clientes possam efetivar suas reclamações. É lamentável e uma tremenda falta de respeito com o cidadão essas práticas por parte dos funcionários.

    ResponderExcluir