Compartilhe essa Notícia:


O poção-pedrense Caio Carlos segue detido na penitenciária de Bacabal/MA. A prisão ocorreu no dia 13 de janeiro, portanto há 38 dias (relembre).

Segundo informações, Caio foi preso de forma preventiva, e, até o momento, seu advogado (ou advogados) ainda não repassam nenhuma notícia sobre sua atual situação ou o porquê de até agora ele ainda não ter recebido o habeas corpus e ter retomado a liberdade e à sua vida normal.

Há informações de que ele foi abandonado por amigos e alguns familiares, e está sozinho nessa difícil situação. Por outro lado, também surgiram informações de que o ex-prefeito de Poção de Pedras, Júnior Cascaria, a pedido de Adenilson Lopes - parente de Caio Carlos -, enviou um advogado para assumir o caso. Mas, passados tantos dias, Caio Carlos segue preso.

Caio Carlos foi preso no dia 13 de janeiro, sob a acusação de um suposto crime de estelionato cometido contra um idoso, dono de uma fazenda na zona rural de São Luís Gonzaga. Em decorrência disso, a justiça local decretou prisão preventiva do acusado. A defesa tentou entrar com uma ação, entretanto o juizo negou e decidiu manter ele detido.

Caio Carlos é empresário e já atuou como juiz arbitral em Lago da Pedra, além de já ter sido pré-candidato a prefeito de Poção de Pedras, cidade onde nasceu.

Depois de mais de um mês, por que Caio Carlos ainda não reconquistou sua liberdade?




⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

1 Comentários

  1. Coitado. A Prisão Preventiva não é punição. Já deveria ter saído.

    ResponderExcluir