quarta-feira, 9 de março de 2016

Laércio Arruda fala sobre a polêmica do vaqueiro


Laércio Arruda, a saga de um vaqueiro
O vice-prefeito de Lago da Pedra, Laércio Arruda (PSDB) comentou, através de uma entrevista para um canal de televisão, a polêmica declaração do ex-deputado federal Domingos Dutra, proferida no encontro do PCdoB em Lago da Pedra, realizada no último dia 5. Veja o que ele disse.

“Não me incomoda o fato de alguém me chamar de vaqueiro, porque essa palavra, ao contrário do que a pessoa falou ou pensava ser uma palavra de baixo nível, o tiro saiu pela culatra, porque vaqueiro é uma palavra cheia de virtude.”

“Vaqueiro é aquele profissional que ajuda a cuidar do gado, que ajuda a produzir, que abastece o nosso país de alimento, de carne, que presta seu serviço; então é uma profissão como qualquer outra profissão, por exemplo, hoje eu sou dentista, mas um dia eu tive no campo, um dia eu participei da vida do vaqueiro e, ainda hoje, participo por que eu gosto, por que eu me orgulho de um dia ter ido ao interior, como meu pai nos criou, assim nos levando nas férias. Meu pai nunca deixou a gente ficar um dia se quer ficar de férias, aqui na cidade. Sempre nos levou para o interior, pra cuidar na lida do gado, a gente enchia pote, botava milho para as galinhas, catava cajá, buriti, plantava capim de tudo um pouco. Por quê? Pra que quando a gente chegasse aqui, hoje, onde eu estou, pudesse valorizar um pouco mais a vida e entender como é a profissão das pessoas, a vida das pessoas pra que nós tivéssemos sempre esse cuidado...”
Continua...


“Quando a gente for usar a palavra não achar que gari, vaqueiro é uma profissão qualquer, não! É uma profissão digna, que merece respeito e que infelizmente os políticos que se utilizam das classes mais humildes e chegam,  onde chegam,  acabam mostrando a sua verdadeira face e tentam denegrir a imagem dessas pessoas”.

“Então, eu só lamento, eu repudio gesto como esses de pessoas que querem fazer os seus discursos bonito, mas se se perdem; porque realmente não tem aquela palavra verdadeira dentro do seu coração. Eu digo é isso: se for pra falar de mim, pode ficar a vontade; eu não me incomodo, desde que me chame de vaqueiro, de zé, de gari de joão, eu não me importo. Nada disso me ofende.”

“O que me ofende é falar de amigos meus, de classes trabalhadoras, como se foi falada, aqui na intensão de menosprezar. O que eu acho que foi uma coisa muito errada. Ai nesse caso eu estou aqui pra defender e dizer ser vaqueiro é uma virtude e nas horas vagas eu sou vaqueiro também e sempre serei assim, porque assim é o meu coração, assim que eu quero ser no meio do povo. É assim que eu vivo minha vida bem.”

“Eu só quero aqui repudiar os gesto de quem falou aquela bobagem, de dizer que vaqueiro não pode está ocupando cargo público; e quero agradecer a cada internauta, a cada um de vocês que manifestaram apoio a mim, a pessoas, a classe que compõe os vaqueiros, garis, todas essas pessoas e dizer que estamos juntos nessa luta.”

“Essa luta não é minha, essa luta não é só de vocês é de todos nós, jutos e nos temos sim, que levar o que é bom, às propostas boas e combater o que é ruim, como a gora. Foi muito bem combatido essa frase infeliz da pessoa que falou. Agradeço muito. Obrigado e estamos aqui juntos e misturados, vaqueiros, dentistas de todo jeito, nós estamos juntos em nome do que é bom para o nosso povo”.

Laércio Arruda

Vice-prefeito de Lago da Pedra

Veja a entrevista no vídeo, clique aqui!

7 comentários:

  1. vaqueiro e aquele que cuida do gado do patrão, que presta contas para o patrão, que só faz o o que o patrão manda, não chamaria você Laércio de vaqueiro por que assim como você eu me orgulho dessa profissão que já exerci, mas você já parou para pensar a autonomia que você teria em lago da pedra? será que você como prefeito vai poder gerir os recursos? será que você como prefeito vai ter voz ou vai simplesmente responder ao patrão, será que você vai simplesmente cuidar dos recursos para seu patrão? será que você como prefeito não iria fazer só o que seu patrão te ordena? votar em Laércio nada mais é que votar em Maura, gosto de ver a devoção que o povo de lago da pedra tem a essa liderança,e válido. mas Laércio nunca seria um vaqueiro mas sim um laranja de Maura, vaqueiro bom e vaqueiro que mexe com gado e não vaqueiro que mexe com gente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso não é nem pregunta de fazer, que vai adimistra a prefeitura e ele, e sobre ela acha que ele é vaqueiro ele cuida da Fazenda e olhoas os gado dele. Vai Laércio essa é sua

      Excluir
    2. MEU NOBRE VC TA CONFUNDINDO A SITUACAO DA LAGOA GRANDE C LAGO DA PEDRA NE? ONDE O PREFEITO JORGE TA BOTANDO UM VAQUEIRO Q NUNCA FOI POLITICO E NEM É DA CIDADE, UM PAU MANDADO P PREFEITO CONTINUAR NO PODER

      Excluir
  2. VALEU LACREIO! MEU VOTO É SEU. FICA AQUI O MEU PROTESTO CONTRA O ATO INSANO DO EX-DEPUTADO DOMINGOS DUTRA EM NOSSA CITY. ELE DEVIA RESPEITAR NÃO SOMENTE OS VAQUEIROS, MAS TAMBÉM O POVO DE LDP. O DUTRA ERA UM POLÍTICO MUITO POLÊMICO, AGORA É UM FRUSTADO MAIS QUE POLÊMICO, BEIRA A LOUCURA.

    ResponderExcluir
  3. Avante! Laércio Prefeito 2016. Vitória do povo. Vai ser o nosso futuro Prefeito. e sobre a aliança de Laércio com Maura Jorge, é muito boa e é solida, Laércio não vai trair nunca a nossa Prefeita e seu grupo, até porque existe confiança e os laços de família estão juntos em favor do progresso da nossa terra.

    ResponderExcluir
  4. olha a musica da sacode ai, sou vaqueiro atualizado vaqueiro virou play boé vaqueiro ta estourado. musica de sucesso que mostra q vaqueiro hoje e sucesso.

    ResponderExcluir
  5. LAÉRCIO 2016! PREFEITO DE LAGO DA PEDRA. ANOTEM ESSE REGISTRO PARA A HISTÓRIA DA NOSSA CIDADE E PARA O ENCUCAMENTO DA OPOSIÇÃO.

    ResponderExcluir