quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Pai de família é esfaqueado em Poção de Pedras


Gasolina ao lado do filho, Pablo Ximenes,
o jovem se forma em Farmácia no próximo sábado. 
Um clima de luto e consternação tomou de conta dos moradores da cidade de Poção de Pedras (MA) depois que um pai de família, conhecido pelo apelido de ‘Gasolina’, foi brutalmente esfaqueado ontem, 23, no final da noite.

O blog ainda não recebeu todos os detalhes da ação criminosa e nem a confirmação dos nomes do autor ou autores do crime. (Nomes estão circulando nas redes sociais e caberá a polícia identificá-los). Fomos informados que Gasolina foi dominado e esfaqueado na região lombar (costas). Foi levado para o hospital do município, recebeu os primeiros socorros e depois encaminhado para Peritoró. Segundo informações de familiares, a vítima está fora de perigo.  
Movimentação intensa em frente ao hospital de Poção de Pedras 
Uma grande aglomeração de pessoas se formou em frente do hospital de Poção de Pedras no momento em que Gasolina era atendido. Todos torciam pela sua recuperação e muitos temiam pela morte. Na face de todos, a imagem do terror, do medo...e da indignação.

Gasolina esteve envolvido na confusão registrada no domingo à noite entre partidários do grupo do prefeito Cascaria e do ex-prefeito Gildásio. Ambos concorrem ao cargo de prefeito nestas eleições. Cidadão benquisto no município, Gasolina nunca tinha se envolvido em episódio dessa natureza: brigas por questões políticas. Possivelmente, em um momento de paixão política, ele tenha se excedido junto com partidário do ex-prefeito Gildásio, durante a passagem da caminhada de eleitores do prefeito Cascaria. Porém, nada justifica a ação criminosa em que ele foi vítima.

A polícia civil, militar, em fim, todos os organismos que representam a justiça brasileira no município, devem uma resposta a sociedade de Poção de Pedras. O autor do atentado a vida humana precisa ser punido dentro da lei.

Não obstante o clima acirrado das eleições, não podemos afirmar que a ação criminosa foi motivada pela política. O ranço político pode ter originado o crime, porém, seria uma irresponsabilidade afirmar que um líder político determinou uma tentativa de assassinato ou mesmo jogar a culpa em terceiro. Portanto, o blog considera absurda a tentativa do povo do 65 culpar o empresário Rodrigo Freitas ou o povo do 40 culpar o prefeito Cascaria, ainda mais que todos sabem quem foi o autor.  Cabe à polícia, a justiça, a promotoria agir em conjunto para chegar à veracidade dos fatos e punir o acusado. Do contrário, a violência ficará desembestada em Poção de Pedras, com risco iminente de tragédia, infelizmente.

Em nota distribuída nas redes sociais, a coordenação de campanha do prefeito Cascaria repudiou o atentado contra Gasolina e pediu paz entre os dois grupos políticos.

O grupo do candidato Gildásio organiza uma caminhada da Paz, em princípio, eu considerava uma demagogia, porém, depois da ocorrência de ontem, vejo como uma necessidade urgente mobilizações pela paz no município de Poção de Pedras. 

12 comentários:

  1. Eita povo sem noção esse povo do Maranhão quse se matando por política

    ResponderExcluir
  2. Alguém sabe se a vitima e o António de Pádua filho do dono do posto de gasolina ?

    ResponderExcluir
  3. Falta de vergonha! Era só isso que tava faltando... Gente... Pelo amor de Deus cada um vote em seu candidato mais num leva violencia não, e nem discuta também não, não vale a pena, ai da mais por esses políticos de poção de pedra...

    ResponderExcluir
  4. sem noção... poder publico usando suas forças para destruir os familiares..

    ResponderExcluir
  5. falta de consideração as familias

    ResponderExcluir
  6. Quanto menor a cidade mas a política é nojenta o Zé povinho esquece que depois de eleito esses caras não reconhecem mais as "amizades" da época de campanha.

    ResponderExcluir
  7. Todo mundo querendo entra na politica , mas depois esquece os eleitores.

    ResponderExcluir
  8. gente nem um dos candidatos tem culpa do ocorrido apenas euforia da bebida tira a noção de pessoas por isso não a violencia,

    ResponderExcluir
  9. Carlinho a polícia ainda está tentando apurar quem esfaqueou o Pai de família em Poção de Pedras, ninguém viu? nem conhece? nem fala do espancamento e tentativa de assassinato.

    ResponderExcluir
  10. Cadê a resposta da Polícia Civil, ministério Público e Judiciário?

    ResponderExcluir
  11. Cadê a Justiça que não está funcionando...que não tonam as devidas atitudes...cadê a polícia por quê não prendem as pessoas responsáveis..

    ResponderExcluir
  12. Cadê a Justiça que não está funcionando...que não tonam as devidas atitudes...cadê a polícia por quê não prendem as pessoas responsáveis..

    ResponderExcluir