sábado, 3 de setembro de 2016

Vídeo - Professores são agredidos na frente do governador Flávio Dino em Pedreiras


"Rapaz, o que é isso, não precisa agredir!"
Professores da rede estadual e militantes do PCdoB foram agredidos covardemente durante uma carreata do governador Flávio Dino em apoio ao candidato a prefeito de Pedreiras, Dr. Humberto Feitosa (SDD). Os agressores foram seguranças e aliados do governador.

O fato lamentável aconteceu na manhã deste sábado, dia 3; próximo ao famoso castelo da cidade de Pedreiras. No momento em que o veículo, onde estava o governador Flávio Dino e o candidato Dr. Humberto se aproximava do local, alguns professores e militantes do PCdoB invadiram a pista para mostrar ao governador as faixas com suas reivindicações, porém, foram retirados a força e com certa dose de violência na frente do governador.
Esse grupo de professores foram agredidos 
 O protesto tinha o objetivo de cobrar o governador o cumprimento de várias ações: aumento do pagamento dos proventos dos professores de acordo com o piso salarial recomendado pelo MEC; o término da construção do hospital de 40 leitos, a reforma do colégio C.E. Olindina Nunes Freire, entre outras.

“Os militantes e professores foram agredidos na frente de Flávio Dino e de seu candidato, Dr. Humberto, que assistiram a tudo, sem mover uma palha para impedir esse ato de atrocidade. Dai pergunto: essa é a liberdade de expressão que o governador defende? Onde está a democracia e igualdade pregada por ele”, indagou uma nota dos professores distribuída nas redes sociais nesta tarde de sábado.
Mais um vídeo que registou as agressões 
“Nosso protesto era pacifico, estávamos reivindicando nossos direitos, tentávamos nos aproximar do governador para mostrar nossas faixas para comover o coração dele com nossos anseios, mas fomos impedidos e agredidos por aquele povo; não precisávamos ser agredidos e desrespeitados na frente da população; fiquei muito constrangido”, contou um professor nas redes sociais. 

A categoria espera um posicionamento firme do sindicato que representa a classe sobre esse lamentável episódio. 

Veja no vídeo acima o começo das agressões. 

30 comentários:

  1. Palhaçada, nada e agressão, quem estava lá viu, só gente querendo aparecer a mando de suas coligações.

    ResponderExcluir
  2. E lamentável a atitude desses correligionários do Dr Humberto o advogado conhecido como ED e o policial Civil Tonivaldo com agressões com os professores.

    ResponderExcluir
  3. Governo da mudança? Estamos passando por uma verdadeira mudança mesmo, arrogância, perseguição, Governo de uns, ditador e muitos outros adjetivos

    ResponderExcluir
  4. Gente nao se deixem iludir por falsas histórias, lá só tinham políticos travestidos de professores.

    ResponderExcluir
  5. Flávio Dino não fez nada não fez nada kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  6. Tudo armação desse rapaz que se diz correligionario do PC do B, não teve nenhuma agreção, tudo armado pra tentar manchar a belissima campanha de Dr Humberto,o pessoal do 14 não se conteve com tanta gente emapoio ao 77 e fez isso pra tentar manchar o evento, esse mesmo grupo Também esteve na saida da carriata e o militante do PC do B não estava porém não aconteceu nada,foi só ele chegar pra fazer essa palhaçada. Ainda se junta com esse outro desse blog e faz uma materia tendenciosa dessa pra tentar levantar o 14, a inveja mata.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem que tá falando em 14 em ? Eles não mexe com ninguém,vocês desse trabalho (belíssimo) que fica cutucando o 14...
      Quanto mais bate mais o Homem cresce .

      Excluir
    2. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Cresce igual rabo de cavalo, esse perturbado que foi pra frente do carro seu mané é do 14, e fez essa armação toda pra tentar se amostrar.

      Excluir
  7. Marcos Paulo Teixeira3 de setembro de 2016 18:44

    Falta de respeito cm os professores. Governador ditador.

    ResponderExcluir
  8. José Augusto Barros Santos3 de setembro de 2016 18:45

    Governador da mudança !

    ResponderExcluir
  9. Lamentável um blog posta uma bosta dessa , deveria ter vergonha senhor Carlinhos .
    .
    pois esses que disem ser educadores , não tiveram a menor educação ao povo que ali estava ,
    professor indo para frente do carro fasendo maior escândalo , que vergonha desses que disem ser educadores .

    ResponderExcluir
  10. User educador também é mostrar que se deve lutar por aquilo que é de direito!!! Tendenciosas são alguns comentários notadamente de pessoas que mamão nas tetas públicas, que alimentam muito bem com o dinheiro público... Governo da mudança sim! Mudança para pior...

    ResponderExcluir
  11. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Esses vídeos de agressão são bizarros
    Chega dá vontade de morrer de rir
    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    O problema Carlinhos é que no 77 vc não terá vez e portanto tem que fazer média com 0 14 pra vê se consiga mamar nesses grupos. No 77 tua chance é zero e o klebinho que o diga. Kkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  12. Triste e lamentável é ver gente tentando defender o indefensável... não misture as coisa a campanha do 14 não precisa ta se rebaixando a atos como esses e se tratando de desespero sabemos bem quem estar assim né 77.

    ResponderExcluir
  13. Como o povo de Pedreiras tá ficando mal educado, primeiro jogam um celular no rosto de um cantora durante um show agora durante a visita do governador do estado fazem uma palhaçada dessas. Se eu fosse o governador nem pisava mais ai.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkkkkkkklkkkkkkkkkkkkkkk
      Pega fogo c.

      Excluir
  14. Onde está a agressão no vídeo????????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Empurrões também é agressão, ainda mais com essa violência aí.

      Excluir
    2. Os "professores" estão confundindo manifestação com baderna e anarquia, e nestes casos, com moderaçao o coro come.

      Excluir
  15. GENTEEEEEE, QUEM MANDOU VCS VOTAREM NUM HOMEM QIE VCS NEM CONHECIAM????? AGORA FLAVIO DINO TA AÍ PERSEGUINDO, DEBOCHANDO DO POVO, SENDO AUTORITARIO E FAZENDO DO MA UMA DITADURA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vocês não estavam acostumados com a ordem, agora a coisa mudou e o bicho vai pegar.

      Excluir
  16. Governador tinha que ter outra postura, era apaziguar, mandar os seguranças não irem pra cima dos professores da forma que foram, como se fossem animais.

    ResponderExcluir
  17. MAIS FEIO AINDA QUE A POSTURA DE MASSACRAR E PASSAR POR CIMA DO POVO COMO É A DE FLAVIO DINO, TAO RUIM QUANTO É O POVO QUE FINGE NAO TER VISTO OU TA ENCOBRINDO POR CONTA DAS SUAS BOQUINHAS R$ PRA NAO DESAGRADAR ALIADOS DO GOVERNO...ELES TINHAM QUE PENSAR ERA NO POVO TODO, SERA SE MERECEMOS UM GOVERNADOR COM ESSA POSTURA DE PERSEGUIR E RETALIAR? A HORA É ESSA DE UNIRMOS TODOS E MOSTRAR QUE BOTAMOS E TIRAMOS TB!

    ResponderExcluir
  18. Na minha opinião tanto esse advogado com esse policial Civil de responde criminalmente essas a grecoes sofridas pelos professores como denunciar esse advogado para o Conselho de ética da OAB secção ma, como para a corregedoria de justiça. Esse policial para a corregedoria de policial Civil da secretaria de segurança do ma. Pó te agredido pessoas de bens.

    ResponderExcluir
  19. Na minha opinião tanto esse advogado deveriam responde judicialmente, como esse advogado deveria se denunciado para o Conselho de ética da OAB como também para a corregedoria do Conselho nacional de justiça esse policial Civil deveria se denunciado para a secretaria de segurança para corregedoria da Polícia Civil e ele é pago da segurança a população e não para agredir cidades d bens conforme a postagens.

    ResponderExcluir
  20. Na minha opinião tanto esse advogado deveriam responde judicialmente, como esse advogado deveria se denunciado para o Conselho de ética da OAB como também para a corregedoria do Conselho nacional de justiça esse policial Civil deveria se denunciado para a secretaria de segurança para corregedoria da Polícia Civil e ele é pago da segurança a população e não para agredir cidades d bens conforme a postagens.

    ResponderExcluir
  21. Tanto esse policial Civil como esse advogado devem responde judicialmente e também esse advogado deve ser denunciado ao Conselho de ética da OAB secção ma e corregodoria do Conselho nacional de justiça e o policial Civil para secretaria de segurança do ma através da corregedoria.

    ResponderExcluir
  22. Triste ler alguém perguntando cadê a agressão. Precisava derramar sangue para contar agressão?
    Me poupe vivemos em um país democrático. GOVERNADOR DITADOR!

    ResponderExcluir
  23. Esse advogado como esse policial Civil devem responde judicialmete também baseado na lei Maria da Penha eles agrediram professoras que estavam presente nessa manifestação pacífica.

    ResponderExcluir