sábado, 20 de abril de 2019

Confusão entre Corpo de Bombeiros e a Paróquia de Pedreiras durante a encenação da Paixão de Cristo

Espetáculo da Paixão de Cristo realizado pela Juventude da Paróquia de Pedreiras em 2019
O Corpo de Bombeiros (13ª CIA- 6°BBM), na noite da Sexta-feira Santa (19), tentou impedir a realização da tradicional encenação da Paixão de Cristo, promovida pela Paróquia (Santuário) de São Benedito de Pedreiras (MA). O motivo alegado pelos bombeiros militares consistiam na falta de condições mínimas de segurança da estrutura da peça, montada no Anfiteatro Dom Jacinto Brito.

A organização da Paixão de Cristo, formadas por jovens da paróquia, recebeu com surpresa o aviso de interdição da peça. Diante do comunicado, reuniram-se para discutir o assunto e, no final, optaram por realizar a encenação, descumprindo a ordem expressa do Corpo de Bombeiros. Como de costume, uma multidão de pessoas compareceu ao Anfiteatro para assistir a encenação.

Anfiteatro Dom Jacinto lotado de espectadores 
Ainda no palco do anfiteatro, minutos antes do espetáculo, o Padre José Geraldo, Reitor do Santuário de São Benedito de Pedreiras, comentou diante do público sobre a polêmica interdição.

"Gostaria que alguém filmasse por gentileza para documentar o que o padre vai dizer.
A Paixão de Cristo se iniciou há muitos anos nessa paróquia, desde o tempo de Wescley Brito, com o tempo, nós fomos resgatando jovens, nós fomos trazendo mais jovens e levando ao comprometimento desses jovens. Eles não apenas ensaiam para dramatizar, mas são do santuário e têm, por meio da dramaturgia, da expressão corporal e, acima de tudo, do seu querer, vem fazer uma expressão de fé, mostrando os passos de Jesus para todas as religiões".

"Agora, depois de muito cansaço sobre muitas procissões, eu fui notificado por meio de José Alves que haveria o interdito nesse caso, isso porque o pessoal do Corpo de Bombeiros falou para mim: 'padre, a estrutura que você tem aqui é mínima, eu não aconselho e por isso nós interditaremos'."

"Eu disse ao Corpo de Bombeiros: 'olha, a gente acata, a gente respeita, mas são jovens que trabalham conosco, são filhos dessa terra, estudam, ficam até meia noite aqui no anfiteatro trabalhando, nós temos vários e vários encontros, desde a questão da organização, humana, afetiva e religiosa pelo bem da fraternidade. Assim, eu disse a eles que, em obediência ao Corpo de Bombeiros, que tenham um olhar clínico e que nós agradecemos e sabemos o tamanho da grandeza da instituição nesses dois municípios. Eu falei a eles que eu não permitiria a apresentação."

"Chamei o Dr. Assaiante para que ele pudesse falar isso com os jovens, até mesmo pela grandeza do seu conhecimento. Nós somos simples, somos de igreja, voluntários, ninguém ganha nada para nada. Apenas pedimos apoio da prefeitura porque muitas vezes outras instituições até patrocínio nos negam."

"Eu queria dizer a vocês que eu não queria que se apresentassem, porém, os jovens pediram que eu, Padre José Geraldo, deixasse que eles agissem, dessa forma, chamei o Dr. Assaiante e ele disse : "claro, agora os jovens podem se apresentar". Então eu gostaria que o Dr. Assaiante falasse para nós, mas não porque estou saindo fora, não é nada disso; estou aqui para o que der e vier, mas no momento, tenho que mostrar primeiro obediência ao princípio da legalidade. Como parte de uma estrutura que angaria essa elevada multidão de pessoas, eu queria que o Dr. pudesse falar."

O advogado Dr. Assaiante, ao microfone do sistema de som, disse que a mensagem de Cristo tem que ser levada a todos e foi bastante aplaudido pelo público.

"Eu acho que o problema está posto e a gente não tem capacidade para resolver. Eu e o padre José Geraldo, mais essa multidão de jovens aqui que tem suas opiniões sobre o ocorrido e algo a dizer para todos. Daí, o resto não é com a gente, é com eles, que Deus esteja com todos nós e que a mensagem de Cristo seja levada a todos", pontuou o advogado.

Um jovem representando a organização do espetáculo, disse que eles assumiram a responsabilidade. 

“Como a situação jurídica já foi explicado pelo nosso pároco e pelo Dr. Alexandre, nós, a juventude, assumimos a responsabilidade e viemos a vocês dizer que iremos apresentar a Paixão de Cristo 2019", informou. 

Os jovens assumiram a responsabilidade dos riscos apontados e iniciaram a encenação da Paixão de Cristo. O espetáculo seguia bonito e tranquilo. Ao ser informado do descumprimento da ordem de interdição, o Corpo de Bombeiros, através de seu Analista de Projeto e Vistoriador, o 2º Tenente Adailson Raimundo Moreira Garcez Júnior,  solicitou através de ofício encaminhado à 14ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Pedreiras, uma equipe para dar apoio à operação do Corpo de Bombeiros para impedir a realização da peça.

Ao chegarem ao local, acompanhado da polícia, os homens do Corpo de Bombeiros, provavelmente se melindraram diante da multidão, desistiram de embargar a continuação da peça, porém, multaram a paróquia pelo descumprimento da interdição por falta de segurança.

Corpo de Bombeiro acompanhado pela polícia tenta interditar a encenação - Foto Ricardo Faria

A peça seguiu até o seu desfecho, emocionando a multidão de espectadores.

Confira fotos 

Imagens da Paixão de Cristo - Fotos Alex 










Indagações

Os jovens passaram semanas ensaiando, organizando vestimentas, indumentárias e arrumando o local para a peça, seria cômodo ou imprudente impedi-los horas antes do espetáculo?

Eles não pararam a encenação, quando ocorreu um grave acidente com um dos atores...

Em 2018, um dos atores da peça sofreu grave acidente no anfiteatro Dom Jacinto, horas antes da encenação da Paixão de Cristo; os jovens seguiram com a encenação. O ator morreu em um hospital, enquanto o espetáculo prosseguia. 

"No começo da madrugada, infelizmente veio a informação de que Yago, que interpretaria Judas, não resistiu e morreu. Apos cair de um andaime, ele tinha dado entrada no hospital de Presidente Dutra  com fratura em duas vértebras, hematomas na cabeça, lesão na coluna e passava por cirurgia no abdômen." 

Ator que interpretaria ‘Judas” na Paixão de Cristo em Pedreiras morre após sofrer grave acidente durante o ensaio- http://www.carlinhosfilho.com.br/2018/03/ator-sofre-acidental-grave-durante.html


A população de Pedreiras apoia o trabalho do Corpo de Bombeiros, homens que zelam por nossa segurança. No entanto, por se tratar de jovens, nesta idade têm características da impetuosidade, de querer enfrentar a tudo e a todos para realizarem sua vontade, não seria oportuno para o Corpo de Bombeiros, em vez de tão somente fiscalizar, também ajudar na estrutura da peça para que ela tenha as condições de segurança necessárias?

Segundo informações, o Capitão Machado, comandante do Corpo de Bombeiros de Trizidela do Vale, iria se pronunciar sobre o caso. Vamos aguardar os esclarecimentos oficiais.

Vídeos do espetáculo 





Ofício do Corpo de bombeiro solicitando apoio da Polícia Civil para garantir a interdição do espetáculo encaminhado ontem, dia 19

Ofício do Corpo de Bombeiros de Trizidela do Vale para a organização do espetáculo 

Jovens interpretam dançarinas de Herodes na encenação da Paixão de Cristo - Como impedir jovens de realizar a tão desejada interpretação 

Publicidade


32 comentários:

  1. A questão é complicada: por um lado, entendo que o Corpo de Bombeiros quer a segurança de todos, principalmente depois do acontecido ano passado. Por outro, se tratarem com tal rigidez a todas as situações em que os bombeiros devem atuar, vão ter que interditar a cidade inteira.

    Concordo que deveriam ter feito isso antes, não no momento da apresentação começar.

    Que fique a experiência para no próximo ano tudo ser devidamente conversado.

    ResponderExcluir
  2. Esse advogadozinho de meia tigela gosta mesmo é de se aparecer as custas dos eventos dos outros!

    ResponderExcluir
  3. Os mesmos não se exemplam com a morte do companheiro Yago ano passado, por falta de segurança adequada o mesmo perdeu a vida por conta desse espetáculo!

    ResponderExcluir
  4. Vidas não vale nada diante de uma espetáculo?

    ResponderExcluir
  5. Dr. Alexandre Assaiante sempre disposto a ajudar. Ontem, nós da Paixao de Cristo o procuramos para que nos ajudasse a resolver o problema e ele resolveu, pois disse das implicações que nossas ações poderia causar. Fizemos uma linda apresentação graças ao nosso esforço e as palavras dada pelo nosso Padre e pelo Dr. Alexandre, a quem agradecemos imensamente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele devia ter ajudado era o rapaz que ele atropelou na Trizidela do Vale e fugiu

      Excluir
  6. Eu concordo que os bombeiros interditam sim um local que demonstra risco a vida das pessoas, mas como já ouve um acidente ali, pq não impediram o local ano passado, ou mesmo esse ano, mas antes dos de todos os preparativos dos jovens.

    ResponderExcluir
  7. Só não entendo PORQUE o Corpo de Bombeiros não fez essa averiguação com antecedência, chega praticamente na hora da apresentação. Parece até que foram mesmo no INTUITO de interditar.

    ResponderExcluir
  8. As instituições parecem que vivem hoje em dia só em busca de holofotes, essa é a verdade.
    Gostam de chamar a atenção para uma aparição midiática

    ResponderExcluir
  9. Gente. Vamos falar do espetáculo que foi lindo. A juventude deu um show de teatro e mais ainda com a linda mensagem que foi do nosso salvador *JESUS CRISTO*, não foi corpo de bombeiros e nem ninguém que tirou o talento daqueles jovens que lutarão para fazer um belíssimo evento. Vamos evitar qualquer forma de disseminar a mensagem que foi ELE MORREU POR MIM E POR VC.

    ResponderExcluir
  10. Geralmente eles só vão averiguar depois que levam todos os documentos, deve ser pra atrapalhar ou punir, porque esperar um evento ficar pronto e ir só embargar é complicado.

    ResponderExcluir
  11. Belicismo espetáculo
    Mas o bombeiro estar rigorosamente correto

    ResponderExcluir
  12. Se precisar de contribuição para pagar a multa não me deixem de fora, meu pouquinho é de coração. Juventude de Cristo, Deus os abençoe .

    ResponderExcluir
  13. Eu querIa ver se DEUS livre acontece algo de grave ali, se voces ia dizer que os bombeiros estava errado.

    ResponderExcluir
  14. Pensar em um povo q não faz nada de útil na cidade e esses bombeiros. Apagar incêndios isso antes de eles existiem aqui ja se apagava, até mais rápido. Agora aparecer e com eles msm.

    ResponderExcluir
  15. Se precisar de ajuda p pagar essa multa padre disponha uma conta por gentileza.

    ResponderExcluir
  16. As falha surgiu dos bombeiros,por que não notificou com antecedência? Para não causaram transtornos com os fiéis,
    Os Bombeiros tem que se explicarem...

    Porque NÃO interditarão o carnaval da Prefeitura de pedreiras no anfiteatro? os camarotes não atendia à norma; não estava com os aterramentos, Não possuía sinalizações de emergência e de salvamento; os extintores não existias ou não instalados e as barracas estavam com fiação exposta e foram confeccionadas com material de fácil combustão.
    A corporação não explicou que, diante das irregularidades, havia possibilidade de pânico em caso  de incêndio, colocando em risco a vida das pessoas.
    O Corpo de Bombeiros vistoriou ou fez vista grossa e liberou....

    ResponderExcluir
  17. essa situaçao é complicada principalmente pois envolve igreja , religiao.
    por um lado o corpo de bombeiros tem que faser seu trabalho, do outro temos uma apresentaçao religiosa.
    graças a deus correu tudo bem...
    mas tambem tem o lado da fiscalizaçao que esta correta.
    mas o corpo de bombeiros tambem pode da o suporte com alguem de plantao no horario....

    ResponderExcluir
  18. Penso que espetáculo desta magnitude precisa ter o mínimo de segurança, graças a Deus que ocorreu tudo bem que o corpo de bombeiros não se ache desrespeitados,que aprendamos todos,que nos próximos os organizadores se antecipem para que nao aja mas estes transtornos,nos resta fazer uma campanha para ajudar nosso santuário a pagar a multa

    ResponderExcluir
  19. A preocupação do corpo de bombeiros esta correta, só não entendo porque somente na hora da apresentação vem querer atrapalhar, vejamos aqui, hoje nós temos um grave problema ali próximo ao frango dourado, aonde caiu uma parte da coluna de sustentação do igarapé que ali passa, é notório o risco de aumentar aquela cratera que lá está, então corremos riscos de está passando alí de carro e acontecer um grave acidente, porque o corpo de bombeiros ainda não interditou aquela rua?.

    ResponderExcluir
  20. Os fora da lei
    Se o corpo de bombeiros disse que não podia continuar tinha que obedece só isso não serviu de exemplo o fato lamentável a perca de uma vida o ano passado Dr você como conhecedor das leis era pra orientar estes jovens a obedecer as leis e não invrentare elas é lamentavel leis formam feitas pra ser comprida

    ResponderExcluir
  21. Os fora da lei
    Se o corpo de bombeiros disse que não podia continuar tinha que obedece só isso não serviu de exemplo o fato lamentável a perca de uma vida o ano passado Dr você como conhecedor das leis era pra orientar estes jovens a obedecer as leis e não invrentare elas é lamentavel leis formam feitas pra ser comprida

    ResponderExcluir
  22. Blogueiro idiota, confusão foi somente por parte da paróquia

    ResponderExcluir
  23. É lógico que os bombeiros devem sim fiscalizar as estruturas do palco. Porém, acredito que seria muito mais bonito e evitaria quais quer eventualidades se eles dessem apóio e orientação sobre o certo e errado ao montar o palco. Mas, isso antes de ficar pronto, no momento das montagens e não depois de pronto. Parceria é a melhor solução.

    ResponderExcluir
  24. Belíssima apresentação, sai transformado, ajudo a pagar a multa!

    ResponderExcluir
  25. O problema é que essas instituições quando estão dentro de suas fardas, esquecem que são funcionários do povo, pago com o dinheiro do povo para prestar serviços para o povo, no entanto, eles se enaltecem de tal forma que, quando é procurado pelos seus patrões, que é, "o povo" eles em vez de atende los com carinho e dedicação, eles se vestem de uma camisa de força para humilhar as pessoas, perdem a oportunidade de serem amigos da comunidade, falo isso no sentido de ajudar a encontrar soluções para os problemas, em vez de querer somente mostrar autoridade que todos ja sabem que são.. Autoridade e comunidade deveriam caminhar juntos! Acho belíssimo o trabalho dos bombeiros, quando feito em harmonia com a socusocie.

    ResponderExcluir
  26. O problema é que essas instituições quando estão dentro de suas fardas, esquecem que são funcionários do povo, pago com o dinheiro do povo para prestar serviços para o povo, no entanto, eles se enaltecem de tal forma que, quando é procurado pelos seus patrões, que é, "o povo" eles em vez de atende los com carinho e dedicação, eles se vestem de uma camisa de força para humilhar as pessoas, perdem a oportunidade de serem amigos da comunidade, falo isso no sentido de ajudar a encontrar soluções para os problemas, em vez de querer somente mostrar autoridade que todos ja sabem que são.. Autoridade e comunidade deveriam caminhar juntos! Acho belíssimo o trabalho dos bombeiros, quando feito em harmonia com a socusocie.

    ResponderExcluir
  27. O problema é que essas instituições quando estão dentro de suas fardas, esquecem que são funcionários do povo, pago com o dinheiro do povo para prestar serviços para o povo, no entanto, eles se enaltecem de tal forma que, quando é procurado pelos seus patrões, que é, "o povo" eles em vez de atende los com carinho e dedicação, eles se vestem de uma camisa de força para humilhar as pessoas, perdem a oportunidade de serem amigos da comunidade, falo isso no sentido de ajudar a encontrar soluções para os problemas, em vez de querer somente mostrar autoridade que todos ja sabem que são.. Autoridade e comunidade deveriam caminhar juntos! Acho belíssimo o trabalho dos bombeiros, quando feito em harmonia com a socusocie.

    ResponderExcluir
  28. É louvável a preocupação do corpo de bombeiros, mas será que a instituição perderia o poder que é reservado mesma através da lei? Se a instituição tivesse se juntado a essa juventude antes de acontecer todo esse episódio e juntos tivessem encontrado uma solução que não viesse prejudicar nem uma das partes? Acho que o autoritarismo falou mais alto que deveria, se o diálogo tivesse sido colocado em primeiro plano, tudo seria resolvido sem prejuízo para ambas as partes.

    ResponderExcluir
  29. Rapaz e o Pe. Pedro que foi expulso do sacerdócio.. e o rapaz ficou sozinho... coitado... com tanta coisa acontecendo povo preocupado com apresentação.... agora

    ResponderExcluir