segunda-feira, 22 de abril de 2019

“Eu que fui agredido pelo policial civil e prendê-lo doeu como cortar a própria carne”, relata sargento de Poção de Pedras


Sargento De Sousa e a guarnição da PM de Poção de Pedras
O episódio ocorrido na noite da última quinta-feira (19), envolvendo homens da Polícia Militar do 19º Batalhão, lotados em Poção de Pedras, e um policial civil da cidade de Caxias, tomou enormes proporções depois que vídeos foram divulgados em grupos de Whatsapp e blogs.

Nesta segunda-feira (22), o Comando Geral da Polícia Militar do Maranhão divulgou nota lamentando o episódio, pediu desculpas e afirmou que se trata de um caso isolado. O policial civil, conhecido como “Júnior Barbudo”, recebe apoio do Sindicato dos Policiais Civis do Maranhão. O caso está sendo investigado pela 14ª Delegacia Regional de Polícia Civil, em Pedreiras. Todos os envolvidos serão ouvidos no inquérito.

Ação

De acordo com informações, a PM de Poção de Pedras teria abordado o policial civil Júnior Barbudo na noite da última quinta-feira (18). Lotado em Caxias, Júnior passava a Semana Santa na cidade de Poção de Pedras em companhia de outro indivíduo. Ele é suspeito de causar baderna e perturbação ao sossego público, quando encostaram em determinado bar, abriram o som automotivo do carro em volume máximo, e teriam, ainda, realizado manobras bruscas nas vias, conhecidas como ‘cavalo de pau’.
Antônio Edson, o Júnior, afirma que foi vítima de truculência da PM de Poção de Pedras 
Por volta das 22h, a PM foi chamada para abordá-los. Não satisfeito, o policial civil foi à Delegacia de Polícia registrar B.O. contra a conduta dos PMs. Os vídeos que circulam em grupos de mensagens registraram a abordagem em frente a delegacia, que resultou na condução do policial civil no camburão da PM de Poção de Pedras.
PMs abordam policial civil em frente a DP de Poção de Pedras 

Diante da repercussão dos vídeos, o Sargento De Sousa, comandante do DPM local, se manifestou através do blog do Fernando Melo, sediado em Poção de Pedras.  Na versão do Sargento, ele é que sofreu agressão física e a guarnição foi ameaçada de morte por Júnior Barbudo.

Leia o relato surpreendente do PM que prendeu o policial civil.  

“A situação ocorreu na quinta-feira à noite, após várias denúncias de perturbação do sossego público (som automotivo), arrancada brusca, direção perigosa, cantando pneu...

A guarnição de serviço fez em primeiro momento uma abordagem na praça Nice Lobão, ao ser abordado, o mesmo identificou-se como um policial civil, diante da situação orientei que o mesmo fosse repousar, pois o mesmo apresentava odor e sintomas de embriaguez alcoólica, o mesmo saiu com um cidadão que andava com ele, logo depois a guarnição estava parada em frente ao Quartel, quando o PC chegou na delegacia de polícia batendo na porta, sendo atendido pelo carcereiro Raimundo, dizendo que queria registrar uma ocorrência contra a guarnição, chamando-os de BOSTAS, e que iria matar todos, diante da ameaça de morte a guarnição foi até o PC, que agindo por impulso, deu um chute na minha perna e tentou acertar um soco no meu rosto, agarrando ainda na manga da minha gandola, vindo a rasgar.

Diante da situação foi dado voz de prisão ao PC e sua companheira, sendo preciso fazer o uso de algemas para conter as agressões conforme os termos da SÚMULA VINCULANTE N° 11 DO STF. Logo em seguida liguei para o delegado titular de Poção de Pedras Dr. Périkles, informando todo o ocorrido, sendo então levado para ser apresentado para Dra. Silvana, delegada de plantão na Delegacia Regional de Pedreiras, onde foram tomadas as devidas providências. Doeu mais em mim, fazer uma condução de um policial; foi como “cortar na própria carne”.

Com informações do Blog de Fernando Melo (Clique aqui )

Mais


Vídeos que viralizaram nos grupos da rede social 




Postagens 

Entrevero entre PMs de Poção de Pedras e Policial Civil de Caxias termina na delegacia regional de Pedreiras http://www.carlinhosfilho.com.br/2019/04/entrevero-entre-pms-de-pocao-de-pedras.html?m=1

Comando emite nota após PMs agredirem policial civil em Poção de Pedrashttp://www.carlinhosfilho.com.br/2019/04/comando-emite-nota-apos-pms-agredirem.html?m=1

SGT De Sousa se posiciona acerca de entrevero envolvendo a PM de Poção de Pedras e um policial civil https://www.fernandomelo.blog/2019/04/sgt-de-sousa-se-posiciona-acerca-de.html

Confira a agenda de alguns atendimentos da Clínica Leão XIII em Pedreiras nesta terça-feira









25 comentários:

  1. Complicado agora saber quem está certo ou errado. Mas a pergunta que se faz é a seguinte: será se um comandante da guarda, um sargento, iria agir da forma que agiu, de graça? Isso ainda vai render.

    ResponderExcluir
  2. Pms mal preparados e mentiroso... da pra ver no vídeo

    ResponderExcluir
  3. Policia militar devia criar vergonha por um episodio desse, mesmo se fosse um bandido eles nao devia agir dessa forma, principalmente q era uma familia com criança, deviam ser presos e levar uma boa licao de moral. Fazer uma reciclagem e aprender a trabalhar

    ResponderExcluir
  4. Essas explicações desse sargento não convence ninguem. A abordagem foi de pessoas com despreparo, que não honram a farda da polícia militar. Devem serem expulsos da corporação a bem do serviço público.

    ResponderExcluir
  5. Esse sargento ai e saliente doeu a propia carne e duvido amigo se você fez isso com um colega de farda que diria com os civis abuso de poder você não merece essa farda assim como muitos outros polícias que usam e abusam do poder para satisfazer seus interesses

    ResponderExcluir
  6. Verdade eles estava cantando pneu com a mala levantada som na alta bebos cego em um carro vermelho nem amigo nem parente aqui eles tem, é em poção nois somos homens pião de fora entra na taca mesmo, parabéns pm fez feio mais fez bonito taca em gente sem vergonha,

    ResponderExcluir
  7. Eu acredito muito mais na versão do sargento. Esse tal de Junio ai tem cara de arrogante. Tanto é que tava chingando todo mundo. Fuquei foi com nojo

    ResponderExcluir
  8. Como o SGT foi agredido depois que o PC foi na DP ? Se os vídeo mostra outra coisa ?

    ResponderExcluir
  9. Se vcs sao homens mesmo pq esses policias n bate nos croa ou na familia dos moita ou dos mariano ai no dia que eles fizer isso eu digo que eles sao homen

    ResponderExcluir
  10. Pessoal,o fato é o seguinte:a guarnição de Poção de Pedras faz aberrações,uma seguida a outra.Num período não muito distante,estávamos numa seresta no "BAR DA NÙBIA",bairro Nova Jerusalém.DE uma hora para outra apareceu a "polícia militar" com suas abordagens truculentas.Sabe p que o tal sargento com seus comandados fizeram?Abordaram o Gedielson,jovem muito conhecido e um cidadão de bem.Revistaram sua mochila a qual ele guardava sue material de lecionar e nem sequer tiveram consideração de entregar-la em sua mãos,dando a mochila a terceiros.Isso pode sargento,pode?

    ResponderExcluir
  11. Alguém sabe me dizer se esses PMs foram os mesmos que prenderam um jovem fardado da escola tentando enforcar o mesmo cujo vídeo está no YouTube.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, os pm' envolvidos na ocorrência citada por vc foram transferidos faz um bom tempo já.

      Excluir
  12. O video nao mente nao.... Covardia desse pra nadas

    ResponderExcluir
  13. Esses policiais são saliente mesmo,isso não é de hoje vei acontecendo já faz tempo, agora eles pegarão em fio pelado mexerão com polícia civil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem que temos hoje tecnologias para filmar esses abusos .

      Excluir
  14. Não respeita nei seu amigo de farda,magine outra pessoa assim que foi numa vez o carnaval aqui em poção,sargento tentou tomar a pistola do Ténente da polícia militar do Maranhão que é da familia Mariano mais não consegui a família tava em peso e os amigos ficaram revoltados por uma abordagem dessa

    ResponderExcluir
  15. Lamentável essa situação, ainda mais ter que ver um Policial Militar mentir descaradamente em um pronunciamento, tentando explicar o que não tem explicação, justificar agressões e a prisão arbitrária contra outro Policial dessa forma só demonstra a forma dissimulada que esse PM deve ter o mau costume de agir contra cidadãos de bem dessa cidade desprovida de Segurança Pública .

    ResponderExcluir
  16. Lamentável essa situação, ainda mais ter que ver um Policial Militar mentir descaradamente em um pronunciamento, tentando explicar o que não tem explicação, justificar agressões e a prisão arbitrária contra outro Policial dessa forma só demonstra a forma dissimulada que esse PM deve ter o mau costume de agir contra cidadãos de bem dessa cidade desprovida de Segurança Pública .

    ResponderExcluir
  17. Agora podem crê virou santo, sabe abordar, agora diz:eu sempre abordo na educação, digo qual os direitos que ele tem!sou preparado .- Claro q o policial é um ser humano, se é de lavar um tiro,dê, mais a primeira palavra de educação que diz quando aborda alguém é porra

    ResponderExcluir
  18. Sim,eu quero saber, se o prefeito de Poção de Pedras e o vereador Grande e o segurança do prefeito foram presos e levados pra Pedreiras,e se tiveram uma pistola apreendida,tá no blog de Pedreiras, é verdade Carlinhos ?

    ResponderExcluir
  19. Esse didousa e muito despreparado, e bom de propinas, pidao ele sempre abusa do poder, a tempos que precisa perder a farda.

    ResponderExcluir
  20. Infelizmente eu nao confio em alguns policiais militares são despreparados e quando estão em cidade pequenas querem tocar o terror,se fazem isso com pc imagine nós cidadãos comuns .

    ResponderExcluir
  21. A Culpa do Gonverno que coloca policiais despreparados nas Ruas oferecem um grande risco Pra População

    ResponderExcluir
  22. Aqui em pedreiras eu ia passando ao Lado inss na minha mão, na contramão vinha um policial militar paisano numa moto com esposa eu parei o carro e disse a sua mão é do outro lado ele mim meaçou e mim disse muitos coisa, ele disse botasse nele eu dançava

    ResponderExcluir