quarta-feira, 10 de julho de 2019

Morre Paulo Henrique Amorim aos 77 anos



O jornalista Paulo Henrique Amorim morreu, na madrugada desta quarta-feira (10), aos 77 anos. O jornalista deixou o legado para a comunicação brasileira.

Amorim estava em casa, no Rio de Janeiro, quando sofreu um infarto fulminante — informação confirmada pela mulher dele.

Na noite da terça-feira (9), o jornalista havia saído para jantar com amigos.

Paulo Henrique Amorim estava na Record TV desde 2003. Antes, passou por diversos jornais, revistas e emissoras de televisão do país.

Nascido em 22 de fevereiro de 1942, Paulo Henrique estreou no jornal A Noite, em 1961. Depois foi trabalhar em Nova York, como correspondente internacional da revista Realidade e, posteriormente, da revista Veja.

Na televisão, passou pela extinta TV Manchete e pela TV Globo, também como correspondente internacional em Nova York.

Em 1996, deixou a TV Globo e foi para a TV Bandeirantes, onde apresentou o Jornal da Band e o programa Fogo Cruzado. Depois, foi para a TV Cultura.

Em 2003, foi contratado pela Record TV, onde apresentou o Jornal da Record segunda edição. No ano seguinte, ajudou a criar a revista eletrônica Tudo a Ver na emissora. Em 2006, assumiu a apresentação do Domingo Espetacular, onde ficou até junho deste ano. 

Amorim deixa uma filha e a mulher, a jornalista Geórgia Pinheiro.

Fonte: R7

11 comentários:

  1. Ele foi afastado do programa recentemente porque criticava o governo Bozo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele não aguento foi perder a mamata do PT...

      Excluir
    2. Lá vem um acéfalo ! Dizer que é culpa do governo ! Deixa de ser besta

      Excluir
  2. Paulo Guedes não estava gostando Dele.

    ResponderExcluir
  3. Já foi tarde esse esquerdopata, o diabo a essa hora já deve ta acariciando ele com seu tridente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Há que ponto chegamos? Como pode um ser humano maldar tanto o próximo a ponto de jugar sua salvação. Uma coisa eu tenho certeza.. quero muita distância de pessoas com esse pensamento. Deve ter uma vida muito amarga, cheia de rancor. Que Deus realmente tenha piedade desse pobre.
      Mas cada um com sua crença... seu partido político, seu amor por partidos.

      Excluir
    2. Muita falta de respeito com o ser humano, lembre que você tem família, pode acontecer com qualquer ser humano.

      Excluir
    3. Independente da opinião política dele, é um ser humano, ai tá a prova do que os eleitores do Bolsonaro são capazes, só Deus pra ter misericórdia ficar alegre com a miséria alheia.

      Excluir
    4. Gente ruim tem de todo lado idiota. Tanto é que tem um pardido ai que se aproveita de velório pra fazer palanque político.

      Excluir
  4. INDEPENDENTE DELE GOSTAR OU DEIXAR DE GOSTAR DE QUEM SEJA, NÃO PODEMOS COMEMORAR A MORTE DE UM SER HUMANO.

    ResponderExcluir