terça-feira, 3 de setembro de 2019

Reunião define melhorias para U. E. Dr. Herschell Carvalho em Pedreiras


Ocorreu ontem (02), uma reunião no plenário da Câmara de Vereadores de Pedreiras, para discutir as condições do prédio alugado onde funciona o Colégio Dr. Herschell Carvalho. Estiveram presentes estudantes, pais de alunos, diretora, subdiretora, professores, vereadores e a secretária de educação, Débora Regina.

O assunto ganhou grande repercussão após a divulgação, na impressa local, de imagens das instalações da escola em que pode-se ver os problemas enfrentados pelos ocupantes, como por exemplo, o mal funcionamento dos ares-condicionados, devido a antiga instalação elétrica predial, além de problemas estruturais.

Aproveitando a presença da secretária de educação, professores informaram, ainda, outros problemas que eles e os alunos enfrentam no cotidiano: equipamentos precários, fios de energia expostos, piso precisando de reformas e outras situações que requerem a atenção do poder público. O caso que gera maior preocupação, é sobre o prédio dispor apenas de um acesso que serve para entrada e saída dos estudantes e educadores.


Após ouvir atentamente as reivindicações, o presidente da Câmara, vereador Bruno Curvina, disse que foi proveitoso o encontro.

“Hoje, a gente sai daqui com uma vitória para os alunos, os pais, professores e a direção da escola Herschell Carvalho. A gente vem acompanhando essa luta de todos eles no decorrer desses meses, com alguns problemas que estão dificultando demais a realização das aulas, o bem estar do alunos na sala de aula. Graças a Deus, a solução foi positiva e vamos acompanhar passo a passo o desenrolar dessa história, informando à população, fazendo o nosso papel de vereador.” Finalizou o parlamentar.

Segundo a secretária de educação, Débora Regina, o prefeito Antônio França teria pedido o prazo de 15 dias para resolver o problema do ar condicionado de uma das salas. Informou ainda, sobre a possibilidade da Unidade de Ensino funcionar em outro prédio, porém, tal medida requer mais tempo.

“Não é só o problema de uma falta de um aparelho de ar condicionado, então, são problemas estruturais que foram levantados pela própria administração, também, quando estivemos juntamente com o prefeito de Pedreiras, visitando essa escola e foi levantada a possibilidade do imóvel, que antes funcionou uma escola da rede estadual, pra que dentro de um espaço de planejamento, de organização, possa atender a clientela que hoje está funcionando em um prédio que é alugado.” Disse a secretária.

Em conversa com um dos representantes de uma das empresas responsáveis pela manutenção nos aparelhos de ar condicionado do Município, ele disse o seguinte: “Enquanto não substituir a instalação elétrica do Herschell Carvalho, pode trocar todos os ar condicionados, que o problema irá continuar aparecendo”.


Um comentário:

  1. O que esse prefeito fez com os 22 milhões dos royalties do Gás e com os mais de 100 milhões anuais do FPM????

    ResponderExcluir