Compartilhe essa Notícia:


Moradores revoltados da Rua José Ribeiro, no bairro São Benedito, em Pedreiras, resolveram tomar uma atitude no mínimo inusitada, nesta terça-feira (10). Com o objetivo de expor a situação que eles estão passando em relação à falta d’água, os moradores decidiram cavar um buraco na rua no intuito de achar o cano geral de distribuição e quebrá-lo.

Segundo informações dos moradores, a situação aflige a localidade há muito tempo e o descaso das autoridades responsáveis revolta a comunidade do bairro. Tudo começou há cerca de 25 anos, quando antigos moradores cavaram a rua para possibilitar o abastecimento de água potável nas casas. Logo em seguida, a CAEMA foi até o local e aumentou a rede, usando retroescavadeira e outras máquinas.

Porém, de acordo com os moradores, essa expansão na rede de abastecimento prejudicou a comunidade local, pois os metros a mais da ampliação são usados para encher piscinas, regar hortas e passam a noite ligados.



Cerca de um mês atrás, uma chave foi instalada no local, que regula quando a água vai para os locais determinados, sendo um dia para a parte de cima do bairro e dois dias para a parte de baixo. Porém, ultimamente a água foi direcionada somente para a parte de baixo da rua, deixando totalmente desamparados os moradores que residem na parte de cima, tendo que comprar água mineral de um vendedor local para realizarem seus afazeres. 

Revoltados, os habitantes resolveram cavar para achar o cano geral e quebrá-lo, como forma de protesto para que as autoridades prestem a devida assistência à rua.

Após alguns instantes, alguns técnicos da CAEMA acompanhados de Policias Militares, que estavam no local para garantir a integridade dos profissionais da instituição, compareceram ao local e estabeleceram um diálogo com os moradores a fim de estabelecer um acordo. 

Após a conversa, os técnicos se comprometeram em colocar duas novas chaves para melhorar a distribuição de água para as residências, sendo essa uma ação paliativa apenas para amenizar a atual situação que os moradores vivem. Para que o problema seja solucionado por completo será necessário trocar toda a rede do local.







Com informações Tribuna 101
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

5 Comentários

  1. Esses caras quê fizeram isso aí devem ser um bando de desocupado quê não tem o quê fazer ficam prejudicando toldos a polícia devia ter levado é deixado eles passarem pelo ao menos um mês presos para que eles criassem vergonha na cara.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não foi a melhor atitude, mas só quem já ficou sem água sabe o sofrimento que e, ainda mais em uma cidade que as autoridades estão pouco se lixando para o abastecimento.

      Excluir
  2. Tinha era que prenderem esses bandos de desocupados, quebrando o patrimônio público, isso crime se vcs não sabem.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. VC QUE DEVERIA TA PRESO, TALVEZ AI NA SUA CASA NUNCA FALTO ÁGUA POR ISSO VC FALA ISSO, A POPULAÇÃO TEM QUE DA E UM BASTA MESMO, E DA PRESSÃO AO PODER PUBLICO QUE NADA FAZ

      Excluir
  3. Se as autoridades não enxergam as necessidades da população, o mínimo que podemos fazer é nos manifestar! O certo é que todos tenham acesso a água encanada. A falta de água em várias regiões da cidade é uma das mazelas que assolam essa cidade, a pergunta que fica é: até quando vamos aturar isso calados ????

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA