Compartilhe essa Notícia:

Bruna Lícia foi sepultada na tarde deste domingo (26) no cemitério Jardim da Paz, em São José de Ribamar


Leia a nota de repúdio do Fórum Maranhense de Mulheres sobre o caso da jovem assassinada pelo marido PM: 

Mais uma mulher vítima de feminicídio, desta vez foi Bruna Alícia uma jovem de pouco mais de 20 anos, assassinada de forma cruel, torpe, violenta, pelo seu marido. A crueldade se faz mais monstruosa ainda em virtude da forma como estão sendo veiculados matérias sobre o caso nas redes sociais. Grande parte delas destruindo a imagem da vítima, que passa a ser responsabilizada pela sua morte. Que é isso? Em que mundo estamos? Ainda estamos vivendo na idade média? Porque as mulheres continuam sendo vítimas desta cultura patriarcal que nos oprime e nos reduz a um órgão sexual que tem como finalidade apenas procriar e dar prazer aos homens, ao marido em especial.

Bruna Alícia está sendo destruída na sua moral e na sua integridade de ser humano. Mesmo sendo violentamente assassinada, ainda assim, não está sendo vista com humanidade que todo cristão merece. Sua morte  não lhe dá paz, sua morte é justificada por um possível adultério que teria praticado.

Com esse argumento o assassino, seus amigos e uma parte da sociedade conservadora, machista, patriarcal e misógina, explica e justifica sua morte. "Foi merecida" dizem alguns e algumas que passam a inocentar o feminicida, naturalizando o crime hediondo praticado por este policial. O mais cruel de tudo isso é a lista que circula nas redes de amigos do assassino fazendo vaquinha para contratar um advogado para livrar este bandido da cadeia que merece.

Com esse tipo de prática os policiais demonstram o quanto são coniventes com a violência praticada contra as mulheres e o feminicidio. É surpreendente esta atitude, onde se viu uma coisa dessas, uma corporação estimulando a impunidade.

Nós, mulheres, que integram O FÓRUM MARANHENSE DE MULHERES, protestamos! Queremos justiça! Queremos uma polícia preparada e não policiais desequilibrados que não sabem controlar seus impulsos assassinos.
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

13 Comentários

  1. Fórum de mulheres, as chifreiras safadas, n justifica, mas ela assumiu o próprio risco, n foi possível adultério, mas comprovado, consumado, tanto q os dois foram mortos nus e na cama!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E mano nessa hora e pouco homem que se segura, ainda vendo cara enterado. Uma baita xiibata no rabo da mulher dele. Quem e que acha bom. E doido

      Excluir
    2. Vocês faltaram a escola no dia da aula de respeito mútuo (pesquisando no Google dá para saber o que significa e, cá entre nós, ainda é tempo).

      Excluir
  2. A nota de repúdio para defender a mulher faz acusação leviana contra a instituição policial. A violência contra a mulher é culpa de toda sociedade que é conivente ativa, ou passiva, porque aceita a porcaria de uma legislação que não pune os agressores de mulheres e outros crimes. Querem uma opinião? Pena de morte não haverá, então, vamos exigir prisão perpétua pra esse tipo de crime, garanto que a quantidade de crimes reduzirá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E SE FOSSE SEU FILHO QUE SAÍSSE PARA O TRABALHO E AO CHEGAR EM CASA SE DEPARAR COM UMA SENA DESSA.
      TINHA ERA QUE MORRER MESMO.

      Excluir
  3. Pq o cara não teria direito a defesa?

    ResponderExcluir
  4. Rapaz o cara chegar do trabalho e pegar a mulher na chifragem é demais não dá pra condenar o cara ninguém tem sangue de barata.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imaginemos: você tem uma filha, ela é "casada", estão se deixando por N motivos. Após um lindo dia de trabalho, que encerrou um pouco mais cedo, seu genro chega em casa e ver uma cena de traição, semelhante a essa repercutida. Ele mata ela e o homem que se deitava com ela. Apenas imaginemos. É lógico que não é meu desejo que isso ocorra com você, nem com mais ninguém. Mas lendo sua opinião acima, acredito fortemente que você, com certeza, defenderá seu genro, cuspirá no nome de sua filha e não clamará por justiça, pois, não é necessário.

      SEJA EMPÁTICO! (Não apenas de um lado, mas em todas as direções).

      Excluir
  5. São três vidas destruídas por atos impensáveis. Lamentável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato. Entretanto, uma ainda pode ser reerguida e duas foram apagadas da terra. Restou o sofrimento e incertezas.

      Excluir
  6. A reportagem é clara qdo fala q eles estavam se separando portanto ele vagabundo não tinha pq matar eles,ela não o queria mais era só partir p outra e pronto!!! Agora esse machista escroto achava que era o dono dela,bandido é bom q apodreça na cadeia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SÓ QUE ELES AINDAM TAVA JUNTO ELA TINHA MAS ERA QUE RESPEITA O CARA, NÃO FICAR TREPANDO EM SUA PRÓPRIA CAMA.

      Excluir
  7. Eu acho que isso foi uma barbaridade não necessitava a pessoa tirar duas vidas nada justifica foi apenas um adultério eu sei que não é bom a pessoa ser traído mas quem nunca pecou que atire a primeira pedra

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA