Compartilhe essa Notícia:


De O Estado


Alvo de pesadas críticas de todos os setores políticos do estado, o trecho da BR-135 que corta o Maranhão segue em péssimas condições, apesar de todo o recurso já investido para duplicar a rodovia e recuperar trechos desgastados.

Levantamento de O Estado a partir do histórico de reuniões da bancada federal maranhense e de declarações de representantes do governo federal apontam que, desde o lançamento da obra de duplicação do trecho entre o Estreito dos Mosquitos e a cidade de Bacabeira, já foi investido mais de R$ 1 bilhão em serviços na via.

A maior parte da verba é oriunda de emendas parlamentares da bancada de deputados e senadores do Maranhão, notadamente nos últimos cinco anos.
Licitada em 2012, a duplicação do primeiro trecho foi orçada em R$ 370 milhões. Em 2016, uma emenda de bancada garantiu R$ 150 milhões extras para os serviços.
Um ano depois, em 2017, novo aporte patrocinado por emendas. Foram R$ 82,5 milhões da bancada.

Durante visita ao Maranhão, ainda em 2017, o então ministro dos Transportes do governo Michel Temer (MDB), Maurício Quintela, fez as contas: só a duplicação já havia custado mais de R$ 500 milhões.
Mas o escoamento de recursos para a BR-135 não parou ali. Em 2018, a bancada garantiu mais R$ 180 milhões. Em 2019, outros R$ 400 milhões e, para 2020, já estão confirmados mais R$ 57 milhões.

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

1 Comentários

Informe da ALEMA