Compartilhe essa Notícia:

O processo nº 6634/2016, da gestão do município de Capinzal do Norte em 2009, relatado pelo conselheiro Jairo Cavalcanti Vieira, foi apreciado na última quinta-feira (29) pela Corte de Contas.
Ex-prefeito de Capinzal do Norte, Eliomar Alves de Miranda

O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA) julgou irregulares as contas de gestão do município de Capinzal do Norte, referente ao exercício de 2009, tendo como responsável o ex-prefeito Eliomar Alves de Miranda e o então secretário municipal de Saúde, Marcos Antônio Barbosa Pacheco.

De acordo com informações do TCE, a decisão imputou débito no valor de R$ 1.592.685,43 (um milhão, quinhentos e noventa e dois mil, seiscentos e oitenta e cinco reais e quarenta e três centavos).

O processo relatado pelo conselheiro Jairo Cavalcanti Vieira foi apreciado na última quinta-feira (29) pela Corte de Contas, que também aplicou multa de R$ 159.268,54 (cento e cinquenta e nove mil, duzentos e sessenta e oito reais e cinquenta e quatro centavos) ao ex-prefeito Eliomar Miranda.

Com essa decisão, já são várias condenações contra o ex-prefeito Eliomar Miranda, enquadrado-o na condição de ficha - suja e inelegível. O parecer será enviado para ser apreciado pela Câmara Municipal de Capinzal do Norte. 

Outro lado 

O Blog procurou o ex-gestor para falar sobre o assunto mas até o fechamento da matéria ele não foi localizado.

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

0 Comentários

Informe da ALEMA