Compartilhe essa Notícia:



PDT, PRB, PL, PCdoB e PSDB disputam entre si, o 1º lugar no protagonismo do cenário

Conjuntura de 2022 será consequência do desempenho das legendas na eleição de outubro deste ano


A figura de Josimar Maranhãozinho, deputado que vem fazendo grande parte da classe política maranhense unir dois dedinhos em sinal de apoio às suas pretensões, diz muito do que a eleição de 2022 terá como fundamento: poder econômico e político.
 
PL - Deputado federal Josimar de Maranhãozinho 


DOIS DEDINHOS - O deputado Josimar de Maranhãozinho: reunindo um grande contingente de políticos, ele pretende passar por cima de Roberto Rocha, Carlos Brandão e até do fortíssima Weverton Rocha.

Josimar busca preencher todos os espaços do cenário eleitoral de 2020, no afã de chegar  em 2022 à frente de Roberto Rocha, Carlos Brandão e Weverton Rocha. Há poucos dias lançou a esposa pré-candidata a Prefeita de São Luís e Raimundo Louro, pré-candidato a prefeito de Pedreiras.

O pleito deste ano será   o pleito da disputa entre os principais partidos do Maranhão. PDT, PRB, PL, PCdoB e PSDB buscam fazer o maior número de vereadores e prefeitos na Grande São Luís e cidades do interior. Em São José de Ribamar, o PDT deve marcar posição diante de um combalido PSDB e de um inexistente PCdoB local.
 
PSDB - Senador Roberto Rocha 

Roberto Rocha lidera os tucanos no estado: na Grande São Luís, partido ainda precisa deslanchar.

Em cidades como Paço do Lumiar e Raposa, os tucanos seguem tímidos, ao lado de republicanos sem espaço no Governo do Estado. Carlos Brandão mantem o estilo tácito, distanciando e ainda prefere negociar diretamente com prefeitos e políticos de mandato.
 
PRB - Vice-governador Carlos Brandão 
Carlos Brandão: de estilo tácito, distanciado, diálogo apenas com prefeitos e políticos de mandato.

O fato é que o PRB vem perdendo espaço na predileção do eleitorado, por sua vitalícia condição de legenda de aluguel, sem participação no debate público estadual. Essa realidade se vê refletida também no PL, partido onde o chamariz do dinheiro vem sendo referência a pré-candidatos e filiados.

Apesar das intenções estritamente políticas caracterizarem a eleição de  2020, já em 2022 a tendência é um campo pavimentado por maior engajamento social. As siglas de direita para a eleição de outubro próximo e as de ultra esquerda ainda não fincaram presenças  nas movimentações.
 
PDT - Senador Weverton Rocha 
O PDT do senador Weverton Rocha, o político maranhense que conquistou a maior votação nas eleições de 2018, já lidera o protagonismo na terceira maior cidade.

Mas uma briga cerrada pelo protagonismo embala os bastidores, apesar dos cinco principais partidos ainda se limitarem aos antigos acordos entre quadros já conhecidos, ignorando  as novas vozes da política maranhense, que somadas devem eleger os candidatos anunciados, a guerra por poder não deixou de se intensificar.




Por Fernando Atallaia (com modificações) 




⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

0 Comentários

Informe da ALEMA