Compartilhe essa Notícia:


Sem aulas presenciais devido a pandemia do coronavírus, acadêmicos da Faculdade de Educação São Francisco (Faesf), em Pedreiras, têm se mobilizado para pedir a redução ou mesmo o cancelamento das mensalidades na instituição neste período.

A campanha nas redes sociais está acontecendo há alguns dias e conta com a adesão de vários alunos, que continuam tendo aulas pela plataforma online. Eles alegam que, por conta da quarentena, estão sem poder trabalhar e sem receber seus salários, sendo assim, eles esperavam que a faculdade levasse em conta as dificuldades enfrentadas e adotasse alguma política de desconto das mensalidades.


Outro ponto polêmico levantado pelos estudantes é que no contrato que eles assinaram com a instituição é mencionado apenas aulas presenciais
, sendo assim, o pagamento à faculdade realizado por aulas em ambiente virtual supostamente não devia ser levado em consideração.

Veja as declarações dos estudantes feitas na página do Instagram da Faesf.

  1. - Atos

Certo. Mas e o reajuste da mensalidade? No contrato que assinamos é oferecido aulas presenciais, estamos tendo aulas EAD. Nesse ponto a coordenação não se toca de da uma posição. Sendo que muitos alunos estão sendo prejudicado SIM, pois além de excesso de conteúdo de alguns professores, sobrecarregando nossa forma de estudo, da mesma forma prejudicando o desempenho nas outras disciplinas. Vamos ter consciência da situação, não é um problema fácil, está agravando o mundo todo inclusive a faculdade, mas e os Alunos? Ficam como? A dispor das ordens da faculdade e pronto? Eu não aceito. Queremos um posicionamento justo de vocês!

- Felipe
@faesf_ma Fale menos e resolvam mais, todo mundo já sabe do que vcs falaram, falem algo útil para os alunos, que estão prejudicados tanto no conhecimento como financeiramente, deixem de desdobro e arrodeio, tenham a mesma vontade de resolver como vcs tem de ir atrás de alunos, pra passar por esse constrangimento, muito bonito pra vcs como instituição. Receber esse tanto de rejeição. Nos queremos resolução e não mimimimi. Façam a parte de vcs e larga de conversa. Nosso contrato não foi pra aula on line, e sim presencial. Queremos resposta.

- Rafhael
Ok! Essa parte que falaram acho que todos ja sabiam que ia ter um certo prazo para voltar as aulas presenciais , mais um assunto mais importantes para nos alunos é a mensalidade , alem do covid-19 tem varios alunos que estão alagados e sem emprego , fora a ordem de isolamento , que nos impede de fazer algo por fora , queremos sabe se tera e tem que ter um reajuste no valor da mensalidade , e se o prazo para pagamento sera prolongado

- Carol

Está na hora de pensar nos alunos e rever a questão das mensalidades. A dias estamos atrás de uma solução para este problema e no entanto não temos uma reposta de vocês. Pagar uma mensalidade a preço de contrato como se estivéssemos tendo aula normal em “sala de aula” isso é uma falta de respeito conosco. Quantos de nós já procuramos vocês para uma resposta sobre isso e ninguém nos diz nada.
Nos mostrem que além de vocês, vcs REALMENTE pensa em nós. Pq o momento é esse.
Quantos estão sem trabalhar, sem receber ou tiveram Redução do seu salário. O momento é delicado para todos. Mas, nos parece que vocês não pensam assim. INFELIZMENTE!

- Lurdinha

E o reajuste na mensalidade? Tenham um bom senso e sejam mais solidário @faesf_ma em tempos normais já existe uma certa dificuldade em questão de pagamentos e em meio uma pandemia, então. Estamos pagando presenciais e não EAD !! Melhorem

- Marcos

É @faesf_ma queremos reajuste da mensalidade pós estamos tendo curso a distância e não presencial, dêem os pulos de vocês pós eu optei por aulas presencial e não a distância, não vou tá pagando um absurdo por uma coisa q não está me dando proveito!

- Eduarda

Deviam ter o bom senso e pensarem pelo menos uma vez nos alunos, pois EAD não está sendo nem pouco legal e NÃO TÁ TENDO RESULTADOS POSITIVOS e eu repito NÃO TA TENDO RESULTADOS POSITIVOS , sem contar que os professores estão passando milhares de atividade sem necessidades. E eu assinei um contrato aonde estava escrito que as aulas seriam presenciais e não EAD, pensem nos alunos pois EAD é mais barata, param de pensar só no bolso de vocês pois quem sustenta essa faculdade são os alunos. @faesf_ma"


Apelo divulgado pelos alunos nas redes sociais
Resposta da Faesf

Em resposta, a Faesf argumentou que embora esteja no período de quarentena, todo o corpo docente segue trabalhando e a faculdade continua com suas despesas. Por esse motivo, a coordenação alega que a ideia de redução dos valores ameaça a manutenção de empregos dos seus colaboradores.

Ainda haverá muitas discussões sobre isso até que a instituição e seus estudantes entrem num acordo, porém, vale ressaltar que as aulas não presenciais são uma maneira de ajudar os alunos nesse período de crise e tratam-se de uma orientação do MEC. Sendo assim, a Faesf alega que o mais importante agora é garantir a transmissão de conhecimento com a mesma qualidade que era oferecida antes da suspensão das atividades presenciais.

Confira a nota divulgada pela faculdade:









  

    
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

2 Comentários

  1. A faculdade precisa pensar nos seus alunos, sem contar que as aulas onlines não tem o mesmo nível que as presenciais, então por quê temos que pagar por uma coisa que não estamos tendo? É justo a gente pagar por aulas teóricas e práticas, sendo que estamos tendo apenas aulas teoricas e EAD? Por favor, não pensem apenas no bolso de vocês, se o de vocês pesa, imagina o nosso que temos que lutar contra todo esse problema financeiro para pagar vocês no dia que vocês querem, pois se passar um dia, já pagamos um juros absurdo. Tenham mais empatia e se coloquem no nosso lugar.

    ResponderExcluir
  2. Os alunos não pagaram por aula em EAD e sim por aulas presenciais, portanto tem q haver um reajuste sim, se a faculdade não fizer nada muitos de seus clientes serão "obrigados" a trancaram seus cursos!

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA