Compartilhe essa Notícia:


Na tarde do último sábado (04), após cometerem assalto a um posto de combustível no centro da cidade de Pedreiras, uma dupla de meliantes foi perseguida pela polícia.

De acordo com informações, por volta de 13h, durante patrulhamento de rotina, a guarnição em serviço foi informada por um popular que um roubo teria acontecido em um posto de combustíveis.

A guarnição saiu rumo ao referido local, quando, na Rua Getúlio Vargas, os dois sujeitos foram avistados sob uma motocicleta modelo BROS de cor vermelha, placa HQB-1879, sendo que um dos indivíduos portava uma arma de fogo.

Os policiais deram voz de parada, todavia, os sujeitos desobedeceram e iniciaram fuga. Foi necessário então o uso de dois disparos de arma de fogo para evitar que os meliantes se evadissem do local, mesmo assim os elementos empreenderam fuga.

O acompanhamento tático continuou com destino à Rua Santa Luzia, no Bairro Goiabal, onde os indivíduos abandonaram a motocicleta juntamente de alguns outros objetos, e continuaram a fuga rumo ao matagal.



Logo após pedir apoio às outras guarnições, os policiais iniciaram buscas pelo matagal. Um popular informou que um dos sujeitos teria invadido uma residência, e após ter a permissão, a polícia entrou na casa, e encontrou o meliante com um ferimento na perna.

O indivíduo confessou a autoria do roubo, e disse que tanto ele, quanto o outro sujeito estavam armados durante o assalto, mas este havia perdido a arma durante a fuga. Ele confessou também que a motocicleta em questão teria sido roubada no dia anterior, informação confirmada com a vítima.

Foi dada voz de prisão, e o sujeito foi encaminhado ao Hospital Geral de Pedreiras (sendo necessária a transferência para a cidade de Peritoró), para posteriormente ser apresentado na Delegacia Regional de Pedreiras.

O segundo sujeito ainda não foi encontrado pelos policiais. Foram recuperados a motocicleta em questão, um capacete de cor vermelha, uma munição calibre 38, um celular de cor preta da marca Samsung, dentre outros objetos.
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

1 Comentários

  1. Estamos em "guerra", e como tal, tem que ter a lei do abate, era pra PM mandar pra vala todos esses bandidos.

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA