Compartilhe essa Notícia:

Candidata a vereadora Marilene Croá e a candidata a vice de Poção de Pedras, Adailza.
Marilene Croá é a nova cara da política de Poção de Pedras. A educadora está marcando sua estreia nas urnas se lançando como vereadora. 

Marilene é funcionária pública licenciada e a mais de 15 anos está atuando no município de Poção de Pedras. Ela foi diretora do CAPS no governo do Dr. Gildásio e chegou a trabalhar também na UBS Tancredo Neves, no atual governo do Prefeito Júnior Cascaria, sendo atualmente licenciada. 

Com um ideal político consistente e calcado na defesa da população mais humilde do município, Marilene pretende promover na Câmara importantes projetos sociais nas áreas da saúde e habitação  em parceria com os governos municipal e estadual, principalmente através da implantação da melhoria no atendimento aos pacientes dentro de Poção de Pedras, a fim de que se traga mais especialidades aos moradores. 



O objetivo é fazer com que os pacientes não precisem se deslocar para outras cidades ao fazerem exames mais complexos. 
Marilene já vem de uma família tradicional e influente na cidade, sendo irmã do ex-vereado

Vídeo 

r e ex-presidente da Câmara Nilton Croá e filha do casal Deusdete e Antônia.  

Candidato a prefeito Francisco Pinheiro, Marilene Croá e o marido Dr. Jofran

Marilene Croá ao lado do marido, o advogado Dr. Jofran

Candidata Marilene com a filha








Marilene com as irmãs do círculo de oração da Igreja Evangélica do Bairro Poeirão
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

3 Comentários

  1. meu amigo vem pra cá Carlinhos ser atendido nessa cidade que vc morou aqui ai vc conhece melhor a realidade vc sabe:aqui só se fala em igarapé Grande todos eles inclusive o gestor vcs ñ são sego!

    ResponderExcluir
  2. Chega do mesmo, vote nos pré candidatos novos, Boa opção para renovar a Câmara.

    ResponderExcluir
  3. Sonhar por uma saúde melhor em Poção de Pedras e continuar com um impossível terceiro mandato do atual prefeito é um paradoxo para o sonho da candidata! O prefeito q nunca priorizou a saúde de seu município. No momento q a população mais precisou de um assistência e transição de confiança por parte do Gestor ele se ausentou e acovardou como representante do Município, enquanto todos os outros prefeito de cidades vizinhas permaneceram nos seus devidos municípios. Fora Cascaria! Jhulio & Valney 14

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA