Compartilhe essa Notícia:

Imagem ilustrativa


A prefeitura de Lago do Junco lançou uma nota de repúdio contra a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (CAEMA), em razão do desabastecimento de água naquele município.

Na nota, o prefeito da cidade, Osmar Fonseca, afirma que entrou em contato inúmeras vezes com a Companhia, sempre em busca de soluções que resolvessem por definitivo o problema da falta d'água dos moradores, que já perdura há mais de 90 dias. Porém, segundo o gestor, além de não cumprir com suas funções, a empresa também não deu respostas satisfatórias sobre o caso.

Confira a nota logo abaixo: 

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

1 Comentários

  1. Prefeito vagabundo, nunca investiu no abastecimento de água da cidade... Poço do campinho em perfeitas condições de funcionamento, com água jorrante, porém prefeito nunca colocou pra funcionar, deixando o povo passar necessidade básicas...

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA