Compartilhe essa Notícia:

Caixa paga nesta terça (29) última parcela a 3,2 milhões de trabalhadores nascidos em dezembro. Guedes tem reafirmado que o programa irá acabar no final do ano e que o governo irá continuar com o Bolsa Família se não encontrar espaço fiscal para criar um novo programa social.

Auxílio emergencial foi prorrogado até o fim do ano com mais quatro parcelas de R$ 300 — Foto: Aloisio Mauricio/Fotoarena/Estadão Conteúdo

A Caixa Econômica Federal (CEF) paga nesta terça-feira (29) a última parcela do Auxílio Emergencial a 3,2 milhões de pessoas - e, com isso, encerra o calendário de pagamentos do programa lançado em abril deste ano para apoiar trabalhadores autônomos e desempregados afetados pela pandemia, e que socorreu um total de 68 milhões de brasileiros.

O ciclo de pagamentos chega ao fim e até o momento não há qualquer nenhuma indicação de que haverá um novo auxílio em 2021 ou lançamento de um novo programa social ou substituto do Bolsa Família.

De acordo com o Ministério da Cidadania, em 2021, só serão efetuados pagamentos resultantes de contestações administrativas e extrajudiciais e de decisões judiciais.

Parlamentares seguem defendendo a prorrogação do auxílio por dois ou três meses em 2021, por meio da ampliação do estado de calamidade pública, mas o ministro da Economia, Paulo Guedes, tem reafirmado que o programa irá acabar no final de 2020.

Último lote de pagamentos

Recebem nesta terça os trabalhadores nascidos em dezembro, que não fazem parte do Bolsa Família: 3,2 milhões vão receber uma parcela do Auxílio Emergencial extensão, de R$ 300; enquanto outros cerca de 50,3 mil mil ainda vão receber parcela de R$ 600.

Para os trabalhadores do Bolsa Família, os pagamentos da última parcela do auxílio emergencial se encerraram em 23 de dezembro. A partir de janeiro, esse público volta a receber o bolsa.

VEJA QUEM RECEBE NESTA TERÇA:

Cerca de 50,3 mil trabalhadores do Cadastro Único e inscritos via site e app, nascidos em dezembro:

- aprovados que receberam 4 parcelas recebem a última parcela de R$ 600

- aprovados que receberam de 1 a 3 parcelas recebem parcelas de R$ 600 restantes até a 5ª

3,2 milhões de trabalhadores do Cadastro Único e inscritos via site e app, nascidos em dezembro:

- aprovados que já receberam todas as parcelas de R$ 600 (e qualquer número de parcelas de R$ 300) recebem a última parcela de R$ 300

A ajuda paga nesta terça será creditada em conta poupança social digital da Caixa, que poderá ser usada inicialmente para pagamento de contas e compras por meio do cartão virtual. Saques e transferências para quem receber o crédito nesta segunda serão liberados no dia 27 de janeiro.

Vale lembrar que, ao longo de janeiro, prossegue apenas o calendário de liberação de saques em dinheiro e transferências bancárias para os trabalhadores que até então só puderam movimentar a última parcela do auxílio através do aplicativo Caixa TEM. Veja abaixo o calendário:

Calendário final de saque em dinheiro do último ciclo do Auxílio Emergenial — Foto: Divulgação/Caixa

Pelas regras do programa, os valores não sacados das poupanças digitais abertas e não movimentadas no prazo de 270 dias retornarão para a União.

Fonte - G1

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

7 Comentários

  1. ah... eu estava tão mal acostumado, esse Bolsonaro é foda mesmo, pow presidente acrescenta ao menos umas 3 parcelas aí pra mim brincar o carnaval sossegado

    ResponderExcluir
  2. E agora cambada de vagabundo que nao queria trabalhar agora vai ter de trabalhar podia acabar tbm com esse bolsa família so serve pra essa cambada de vagabunda pari pra população de bem ter de pg pra sustentar filho de vagabundo

    ResponderExcluir
  3. com certeza vai ser acrecentado com certeza com aumento dos casos e falta de vacina no brasil com certeza vai ter mais 3 pacelas pode cre q sim.

    ResponderExcluir
  4. Bolsonaro só executa o que Paulo Guedes determina.

    ResponderExcluir
  5. 😂😂😂😂😂😂

    ResponderExcluir
  6. talvez levasse a serio a continuidade do auxilio..seria nelhor...muita gente precisando...talvez esse dai do comentário acima, precise até mais...mas usa pra outros fins....pode ter certeza..é um morto de fome...quem tem...nao se fala isso

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA