Compartilhe essa Notícia:

No entanto, a Polícia Federal diz que os vídeos estão sob sigilo, determinado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), que já autorizou o bloqueio de R$ 6 milhões das contas do deputado.


A Polícia Federal afirmou que possui vídeos que mostram a entrega para Josimar de Maranhãozinho (PL) de parte do dinheiro da saúde que teria sido desviado pelo deputado. No entanto, essas imagens estão em sob sigilo determinado pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Ao todo, a PF investiga o desvio de cerca de R$ 15 milhões da saúde entre abril e dezembro de 2020 em uma operação chamada 'Descalabro', por conta da quantidade de dinheiro desviado da saúde em pleno período de pandemia da Covid-19.

Nesta quarta-feira (9), 98 policiais federais cumpriram 27 mandados de busca e apreensão no Maranhão e cidades do interior, incluindo endereços ligados a Josimar de Maranhãozinho. Cerca de R$ 2 milhões foram encontrados.


Ainda segundo a Polícia Federal, Josimar estaria envolvido em um esquema de corrupção em que ele conseguia verbas da saúde - via emendas parlamentares - para vários municípios, mas parte do dinheiro era desviado e entrega ao próprio deputado.

Segundo as investigações, as Prefeituras que recebiam a verba faziam contratos fictícios com empresas de fachada, criadas em nomes de laranjas, mas que na verdade pertenciam ao próprio deputado.

O dinheiro depositado nas contas das empresas era sacado em espécie e entregue no escritório parlamentar de Josimar de Maranhãozinho, em São Luís. Em uma investigação iniciada pela Polícia Federal, há quatro meses, a PF fiz que conseguiu constatar os desvios, acompanhar os saques e realizar o registro de áudio e vídeo da distribuição dos valores no escritório regional do deputado.

O outro lado

Em nota, a assessoria de Josimar de Maranhãozinho afirmou que o deputado foi 'surpreendido' com a operação em sua casa. Diz ainda que o parlamentar está tranquilo e se coloca à disposição da Justiça para elucidar os fatos.

Sobre os desvios de recursos, a assessoria do deputado diz que Josimar destinou mais de R$ 15 milhões aos municípios maranhenses, mas os recursos foram distribuídos e aplicados de forma legal. O dinheiro encontrado, segundo o deputado, não ultrapassa o teto informado à Receita, por meio da Declaração do Imposto 2020.

A assessoria conta ainda que o montante em espécie encontrado na casa e escritório do deputado é referente a atividade pecuária e empresarial.

Fonte: G1
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

3 Comentários

  1. igual o traficante quando é pego, sempre diz k é usuário,ser político no Brasil é bom de mais,rouba e difícil mente fica preso,

    ResponderExcluir
  2. Os assaltantes de banco tem k começar a roubar apartamento de políticos,o k tem de políticos guardando dinheiro de corrupção em casa, dinheiro k não tem como declarar, são tudo guardado casa

    ResponderExcluir
  3. Ele tá rindo aí na foto,como dizia Enéias tá rindo de que, tá rindo da mizera do povo

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA