Compartilhe essa Notícia:


Na manhã desta sexta-feira (19), o secretário de Estado da Infraestrutura (Sinfra), Clayton Noleto, esteve vistoriando as obras de recuperação do trecho da MA-012, que liga os municípios de Esperantinópolis e São Roberto. Uma parte da via cedeu na madrugada da última quinta-feira (18), em razão do rompimento de um bueiro devido ao alto volume das chuvas.

Junto ao secretário, estavam também o secretário de Comunicação, Ednaldo Neves, e os prefeitos Aluisinho, de Esperantinópolis, e Danielly Trabulsi, de São Roberto, além da equipe técnica.


Ao tomar conhecimento do ocorrido, o Governo do Maranhão, através da Sinfra, enviou equipes para trabalhar no restabelecimento do tráfego, tomando todas as providências e medidas cabíveis. "Por determinação do Governador Flávio Dino, e como tem sido a forma marcante da administração, nós estamos aqui hoje na estrada entre São Roberto e Esperantinópolis, com a prefeita de São Roberto, o prefeito de Esperantinópolis, com Ednaldo Neves, vereadores, vereadoras, lideranças em geral, exatamente já verificando as providências que foram adotadas para garantir o tráfego na rodovia", afirmou Noleto.

O secretário explicou que o rompimento do bueiro ocorreu devido à enxurrada, proveniente do alto volume pluvial dos últimos dias. "Nós tivemos um volume de chuva muito grande, o maior dos últimos anos aqui na região, e por essa razão tivemos enxurradas e alagamentos. Isso causou o corte em um ponto da estrada, e nós imediatamente agimos e conseguimos restabelecer o tráfego e agora estamos adotando tanto medidas resolutivas, como é o caso da substituição dos bueiros, os chamados dispositivos de drenagem, como também medidas preventivas para que outros pontos da estrada não venham a cortar", disse.

Noleto também destacou a participação ágil do Governo do Estado nas ações empregadas na recuperação da via, bem como nas medidas de prevenção a eventuais transtornos. "Além disso, conversando aqui com as lideranças e administrações municipais nessas parcerias muito firmes, estamos identificando outros tipos de auxílios que podem ser dados em termos de limpeza, em córregos, riachos e canais, enfim, tudo aquilo que é necessário para diminuir os transtornos decorrentes desse período e também, é claro, evitar que nós tenhamos maiores dificuldades. Vamos continuar trabalhando dessa maneira, com a presença firme, para que cada vez mais a gente tenha resultados eficientes", afiançou.

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

1 Comentários

  1. Secretário Cleyton é preciso fiscalizar a construção de açudes nas proximidades das nossas MAs. Isso prejudica muito a qualidade das estradas. Ou o governo não possui leis q regulamentem essas práticas?

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA