Compartilhe essa Notícia:


Um problema familiar ocorrido na zona rural de Bom Lugar virou caso de polícia. A confusão aconteceu no Povoado Jatobá, onde a vitima, Francisca Pereira de 36 anos, foi espancada pelo primo, Elisberto Pereira, mais conhecido como "Betin", de 60 anos.

De acordo com Francisca, o homem mora com ela há poucos meses e tem o costume de beber muito. Por conta disso, com frequência o seu temperamento fica mais agressivo, ocasionando em episódios constantes de desentendimento entre os dois. 

"No dia da confusão, ele viu minha filha chegando em casa com o marido, e botou nós três para sair de dentro de casa. Eu, para me livrar de confusão, saí com muita fé, mas tive que voltar simplesmente porque moro ali, e foi aí que começou a confusão", disse a vítima.

Betin teria se irritado com a prima após ela ter pedido para ele "calar a boca". Nesse momento, ele desferiu um golpe com uma colher no rosto dela, seguido por vários golpes na cabeça enquanto a vítima estava no chão. 

A guarnição atendeu a ocorrência e deu voz de prisão ao agressor de imediato. Ele foi levado para a carceragem da Delegacia Civil de Bacabal em visível estado de embriaguez.

- Com informações da TV Cidade de Bacabal 

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

2 Comentários

  1. Isso são os problemas do homens quando suja a boca de bebida para poder acontecer discussões e agredir,não só com a esposa mais também com mãe irmãos e filhos

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA