Compartilhe essa Notícia:


Policiais civis de Igarapé Grande cumpriram um mandado de prisão expedido pelo Dr Alexandre Magno, juiz titular da comarca de Igarapé Grande (MA), em desfavor do indivíduo de iniciais M.T.S, pelo crime de homicídio.

Ele é suspeito de ter tirado a vida de Adão Carvalho de Oliveira, mais conhecido pelo apelido de "Nego Adão". Segundo informações, o acusado encontrava-se foragido desde 2021, e, desde então, várias diligências foram realizadas com o intuito de prendê-lo.

O elemento vinha sendo monitorado pela Polícia Civil, que já havia tomado conhecimento de seu possível retorno à cidade. A Polícia Civil de Igarapé Grande efetuou a prisão nesta manhã de terça-feira, 22, na Avenida João Carvalho, próximo à caixa d'água da Caema, na cidade de Igarapé Grande.

Relembre o caso

O corpo da vítima foi encontrado ao lado de uma cerca às margens da MA-119. Na época, chegou-se a suspeitar de suicídio, devido a problemas pessoais que a vítima estava enfrentando, hipótese que foi descartada pela Polícia Civil já nos primeiros levantamentos do local e da análise do corpo.

Após o início das investigações e com o fechamento do cerco pela Polícia Civil, o acusado passou a ameaçar de morte testemunhas, o que levou à polícia civil a representar pela prisão preventiva do acusado, e antes mesmo do mandado ser expedido o acusado fugiu. Adão era bastante conhecido na cidade e muito querido.

A Delegacia de Igarapé Grande, responsável pelas investigações, concluirá os trabalhos de investigação e o acusado será colocado à disposição da Justiça.

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

2 Comentários

  1. Como é o nome do acusado

    ResponderExcluir
  2. Coloca a foto desse sujeito ai
    Sei q mora perto da rua do cemitério.

    ResponderExcluir