Compartilhe essa Notícia:

 A professora, ex companheira do acusado, foi arrancada de dentro de um ônibus escolar do Piauí e levada a um motel.

A Polícia Civil do Maranhão, na manhã do domingo (5), deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva expedido no Estado do Piauí, em desfavor de um homem suspeito de estuprar a ex-mulher.

O acusado foi preso em uma casa na cidade de São José de Ribamar, na Região Metropolitana de São Luís. Segundo as investigações, o crime aconteceu no dia 26 de maio deste ano, na cidade de Nazária, a cerca de 35 km de Teresina.

A ex-mulher do acusado é professora da rede de ensino do Piauí, A vítima estava dentro de um ônibus escolar, quando o ex-marido perseguiu o coletivo em sua moto e parou o veículo para retirá-la à força de dentro ônibus.

Os depoimentos apontam que a professora foi arrancada de forma violenta pelo braço e ainda sofreu ameaças do homem. Testemunhas também afirmam que, sem êxito, alguns colegas de trabalho tentaram impedir que o ex-marido levasse a mulher.

O homem a levou para um motel no bairro Saci, na zona Sul de Teresina. A vítima denunciou para a Delegacia de Defesa dos Direitos da Mulher em Teresina o caso de estupro.

Segundo a polícia, o suspeito, nascido na cidade de Fortaleza, no Ceará, residia no Piauí, mas fugiu após o crime. O homem foi localizado em uma casa em São José de Ribamar, no Maranhão, foi preso e será conduzido ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde ficará a disposição do Poder Judiciário.

Fonte: O Imparcial
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

12 Comentários

  1. Esse homem devia ser dotado de super força pra niguem ter conseguido segurar ele viu

    ResponderExcluir
  2. Corvade sem coração

    ResponderExcluir
  3. mulher não tem um minuto de paz

    ResponderExcluir
  4. Mais na garupa de uma moto,ela foi por k quis,na hora k ele subisse na moto era só ela correr

    ResponderExcluir