Compartilhe essa Notícia:

 


Não há como negar o destaque que Simplício Araújo (Solidariedade) vem ganhando nesta pré-campanha. O conteúdo apresentado até aqui mostra uma proposta construída por fora da classe política, pregando a geração de empregos e crescimento econômico como única saída para tirar o Maranhão dos tristes indicadores atuais.

Diferente de outros que apostam na fórmula do marketing de efeito por meio da mobilização de aliados (com ônus, claro) para eventos políticos, Simplício tem mostrado que existe um outro Maranhão que realmente quer e pode ir muito mais além, gerando oportunidades aos maranhenses.

A pré-campanha tem sido toda em cima de resultados reais do trabalho de Simplício como Deputado Federal e Secretário de Indústria, Comércio e Energia.

Entre os vídeos e entrevistas na imprensa, ele mostra como reverteu um quadro de demissão de 500 pessoas na geração de novos 6 mil empregos, o potencial de indústrias, cadeias produtivas e de gerar empregos e renda levando o maranhense para conhecer o próprio Maranhão.

Tudo que vem sendo apresentado até aqui, mostra segurança do que fez e pode fazer, inclusive com depoimentos de pessoas beneficiadas ou de empresários que tem no ex-secretário um verdadeiro guia confiável e respeitável, como ficou claro na visita de Simplício à Expoindustria.

A aposta do pré-candidato está ganhando força e credibilidade, nas rodas de conversa, quando o assunto é política, já é rotina ouvir “o único que está falando em geração de empregos e crescimento econômico é o Simplício”. O pré-candidato parece realmente apostar forte no debate sobre um plano para geração de empregos e focar todas as suas forças na pré-campanha para dois alvos: as maiores cidades do Maranhão e para as redes sociais.

Outra colocação que começa a se ouvir pelo Estado, principalmente em centros como São Luís, Imperatriz e Caxias é a comparação da pré- campanha de Simplício com a do atual governador de Minas Gerais, Romeu Zema em 2018.

Existe uma similar proposta de modernização do estado com viés empreendedor. Além disso, na pré-campanha Zema também tinha números baixos nas pesquisas (0,5% em 2018, Simplício já pontuou média de 5%) e não contava com presença de políticos mas sempre aberto a diálogos.

Zema não tinha coligação partidária e tempo de TV (Simplício tem o tempo de seu Solidariedade), entre algumas outras similaridades. É bom ficarmos atentos, essas eleições prometem grandes surpresas!


Fonte: Gilberto Leda (São Luis)

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

11 Comentários

  1. ME COMORE UM BODE AGORA É UM BODE VELHO MESMO UM PAI DE CHIQUEIRO !!!!

    ResponderExcluir
  2. A diferença é graaaaandeee.

    ResponderExcluir
  3. Zema é de direita e esse coitado aí não tem nem lado.

    ResponderExcluir
  4. Sou anti-FRED, MAS SE ELE NÃO TIVESSE BRIGADO COM O MESMO,TALVEZ CHEGARIA À DEPUTADO ESTADUAL.

    ResponderExcluir
  5. Esse blogueiro não tem mas tomado GARDENAL.

    ResponderExcluir
  6. Só se for Zema mesmos viu kkkkk

    ResponderExcluir
  7. Hum é cada uma kkkk

    ResponderExcluir
  8. Carlinhos,tu gosta mesmo de uma polêmica, não é?

    ResponderExcluir