segunda-feira, 26 de novembro de 2018

Mais informações sobre a invasão criminosa em Bacabal


A ação criminosa previamente orquestrada começou às 22h de domingo (25), quando disparos de tiros foram ouvidos de diversos pontos da cidade de Bacabal: delegacia regional, batalhão de Polícia, centro cultural, ponte, agência do Banco do Brasil, entre outros pontos. Especula que cerca de 80 bandidos participaram da ação que durou mais de 2 horas.



A população ficou apavorada dentro de casa ou refugiada em diversos estabelecimentos: bares, restaurantes, casas de eventos e instituições de ensino.

Pânico no Restaurante Blitz 

Bandidos, armados com fuzis, cercaram o 15º Batalhão da Polícia Militar e cravaram de bala o prédio. Os PMs encurralados enviaram áudios desesperados solicitando socorro.


Bandidos agiram em vários pontos da cidade: Centro Cultural, ponte sobre o Rio Mearim, que é uma das entradas e saídas da cidade,  e principalmente próximo ao Banco do Brasil, INSS, e Caixa Econômica Federal. O intenso disparos de armas de fogo por toda a cidade deixou a população aterrorizada.

Eram efetuados a todo o momento centenas de disparos de metralhadora e fuzil para o alto, como forma de intimidação, pessoas tiveram seus veículos tomados e incendiados, formando barricadas na  BR-316 e em vários pontos da cidade.

Prisões

Por volta de 01h da madrugada desta segunda-feira (26),  a polícia militar prendeu dois homens, um deles, natural do Estado do Rio Grande do Norte; no momento da abordagem pilotava uma moto, e outro, estava com uma quantia de dinheiro nas mãos e outra parte escondida nas roupas, os dois foram conduzidos a delegacia.
 
Ainda mais cedo, momento das ações dos bandidos, um homem, não identificado pelo blog, tentando fugir do caos, acabou sendo baleado pelos assaltantes; ele foi alvejado nas costas com um disparo que atravessou seu corpo; o projetil saiu um pouco abaixo do abdômen.
Três criminosos também morreram durante confronto com a Polícia Militar em frente ao prédio do 15º Batalhão.

Criminosos tombaram no confronto com a policia 
Um foi identificado como; Jean Martins Rocha, natural do estado da Bahia. Os outros dois ainda não identificados pelas autoridades policiais.

Houve confrontos em diversos locais, inclusive, no povoado Santo Antonio, entrada da MA-247, que liga a BR-316 ao município de São Luís Gonzaga do Maranhão.

Um caminhão e mais dois carros pequenos, além de vários reféns passaram pelo local, e após troca de tiros com a Polícia, furaram o bloqueio e seguiram destino Alto Alegre do Maranhão e São Mateus. Os reféns foram liberados durante a fuga. Nenhum deles foi ferido.
 
Fotos registradas nesta manhã 



Aproximadamente 150 mil reais foi recuperado pela Polícia Militar, entretanto, populares, depois que os bandidos fugiram, entraram nas agências bancárias, se apropriaram de notas de dinheiro que ficaram espalhadas pelo local. As informações são de que, sacolas saíram cheias de cédulas de R$ 50,00 reais.





Mais 
Assalto em Bacabal pode ter rendido 100 milhões de reais aos bandidos
Confira 30 notinhas atualizadas sobre o assalto e locais em que a polícia acredita que os bando possa está escondido

Apesar de mais de 3 horas de ataque, nenhuma aeronave do CTA, Centro Tático- Aéreo da Polícia Militar do Maranhão chegou a Bacabal para ajudar a combater os criminosos.

Por volta das 2h da madrugada, o governador soltou uma nota em seu perfil do Twitter.

As forças de segurança continuam na caçada pelos criminosos, que usaram os conhecidos “miguelitos” espalhados pela BR para furar os pneus das viaturas e até uma metralhadora. 50.
Mais fotos e vídeos em continua...



Com informações de Vanilson Rabelo (Bacabal) e Imirante 

Secretário de Segurança, em Bacabal, fala da operação para prender o bando 

8 comentários:

  1. O governo tem que aparelhar melhor as polícias pois os bandidos tem melhor armamento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nao morreu nem um policial, e sim 3 bandidos. Quanto ao armamento, concordo, a polícia deveria ter armas mais potentes.

      Excluir
  2. É verdade que eles estão trocando tiros com a polícia em São Mateus???

    ResponderExcluir
  3. governo comunista quer é que os policias se ferrem. bandido defende bandido.

    ResponderExcluir
  4. Essa turma é conhecida em todo o Nordeste.

    ResponderExcluir
  5. Esses casas são muitos perigosos. Eles no respeitam ninguém.matam destroi tudo. E verdadeiro diabo. Matar, roubare e destruir.

    ResponderExcluir
  6. Muito triste tudo isso, e a população ainda se aproveita, aonde vamos parar com tanta violência, e assaltos, na devida realidade daqui uns dias esses que foram presos estarão soltos pq esse é o nosso Brasil sem leis,

    ResponderExcluir
  7. O motivo de não haver helicóptero na hora é simples: o armamento dos bandidos era forte a ponto de derrubar um...

    ResponderExcluir