Compartilhe essa Notícia:

 
O blog recebeu vídeos e fotos que registraram a chegada do professor na audiência 

Na manhã desta quarta-feira (30), está sendo realizada a audiência de instrução e julgamento do caso envolvendo o professor Rodolfo, na Comarca de Igarapé Grande (MA).  A Praça Mariano Costa, em frente ao Fórum, está lotada de amigos e familiares do acusado. Uma Van do sistema penitenciário conduziu o professor até a audiência. O acusado é defendido pelo advogado Bismarck Salazar. A população que realizava um ato pela liberdade do professor ficou emocionada ao ver o acusado sair do veículo vestindo uniforme laranja do presídio de Pedreiras. Ele está visivelmente abatido e conduzido por um agente, e entrou cabisbaixo no prédio do fórum. Centenas de populares gritaram o nome do professor Rodolfo em apoio e solidariedade. A região em torno do fórum também estava lotada de curiosos e muita gente não conteve as lágrimas.


Visivelmente abatido, o professor saiu da van e entrou no fórum de cabeça baixa 

Centenas de curiosos estavam nas proximidades para acompanhar a audiência 


Amigos, familiares, colegas de trabalho e estudantes fizeram um ato pacífico em frente ao fórum durante a audiência pela liberdade do professor Rodolfo 


__________________________________

Entenda mais 

Acontece nesta manhã no fórum de Igarapé Grande audiência do professor Rodolfo

Acontece na manhã desta quarta-feira (30), no Fórum da Comarca de Justiça de Igarapé Grande, a audiência de instrução e julgamento referente ao processo do professor Marcos Rodolfo de Sousa Lira. O acusado é defendido pelo eminente advogado criminalista, Dr. Bismarck Salazar. 

A audiência está prevista para ter inicio às 10h. Neste momento, a Praça Mariano Costa, localizada em frente ao Fórum, está movimentada de populares, familiares e amigos do professor Rodolfo. Com faixas e cartazes nas mãos, eles acreditam na inocência do professor e pedem sua liberdade.

Acusado de abuso sexual contra cinco adolescentes, professor Rodolfo, sempre declarou ser inocente. Ele foi preso no dia 23 de setembro e chegou a ficar detido na 14ª Delegacia Regional de Pedreiras, sendo transferido posteriormente para o presídio da cidade.


⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

23 Comentários

  1. A justiça de Deus é a melhor!
    Te amo padrinho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faço das minhas palavras as suas! A justiça de Deus não falha.

      Excluir
  2. Me corta o coração...mais só Deus sabe a real história de tudo isso...que a justiça de Deus seja feita...😔

    ResponderExcluir
  3. Q a justiça seja feita,caso seja inocente processe todos os envolvidos nessa seujeirada

    ResponderExcluir
  4. Eu sei que Deus está contigo e ainda vai te fazer andar de cabeça erguida, os humilhados serão exaltados. 🙌🏻

    ResponderExcluir
  5. E rapaz se for inocente, q justica seja. Agora se culpado for aguente comsequencia. E prepare o coritel.

    ResponderExcluir
  6. Que Deus Esteja com Ele....Como tens estado sempre..força😥💔

    ResponderExcluir
  7. Ridículo ver pessoas defendendo, não se colocam no lugar dos adolescentes que foram assediados. E se fossem seus filhos ? Julgam que ele não seria capaz de fazer isso pq é "da igreja",isso não justifica. hoje em dia até pai abusa de filho,imagine...
    Ao invés de defender, fiquem calados e esperem a justiça agir. E se tiver errado, que pague pelos seus erros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nao devemos julgar ninguem .vc mesmo deveria seguir seu proprio comentario e ficar calado .antes de querer julgar alguem olhe para se mesmo e se pergunte .eu sou a pessoa certa para ta julgando alguem ?

      Excluir
  8. Cada um colhe o que planta ! As consequências dos atos sempre vem !

    ResponderExcluir
  9. Engraçado que esses que tão defendendo são os primeiros a gritar nas ruas no dia 18 de maio, pros alunos denunciarem. E agora vem defender pedófilo, e coagir os adolescentes. Babacas!

    ResponderExcluir
  10. cada um colhe o que planta

    ResponderExcluir
  11. Quem é que vai acusar uma pessoal por maldade? Gente! Acordem pelo amor de Deus! Ja pararam para pensar como estão as famílias desses jovens? Acha que é facil? Ele errou infizmente... é de uma tristeza profunda ver ele nessa situação. Mas, temos q colocar na cabeça que há um preço pelo pecado. Nada escondido que um dia não venha a ser descoberto. Quantas crianças abusadas por aí e os pais nao tem coragem psicológica de enfrentar essa guerra na justiça? Que o Senhor tenha misericórdia de todos nós que somos pecadores e falhos!

    ResponderExcluir
  12. ESSE TIPO DE JULGAMENTO É DIFICIL ATE PROS JUIZES, ENTAO QUE A VERDADE PREVALEÇA....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Graças a deus prevaleceu a vdd ele ficou livre porque isso q aconteceu com ele foi um grande absurdo deus e fiel

      Excluir
  13. Só Deus sabe se ele e culpado ou inocente.

    ResponderExcluir
  14. Tinha qua apodrecer na cadeia.

    ResponderExcluir
  15. Com certeza ele e inocente meu filho era aluno dele e eu sempre conversei com meu filho se acontecesse algu desse tipo ele fala imediatamente e ele e um otimo profersor e com certeza ele ira sair dessa

    ResponderExcluir
  16. Engraçado que dos alunos que denúnciaram, uns desistiram e um desses que desistiram disse q foi "POR PRESSÃO DOS OUTROS".
    Pelo amor de Deus gente. Deixem de ser hipócritas. Todos sabemos quem o professor Rodolfo é!! Todos conhecem, e agora ficam bancando de santo querendo julgar sem saber da história DELE.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ontem, lá na praça tive a oportunidade de ler mensagens de alunos dizendo que foram ao fórum por que lá na escola disseram que tinham que ir, é que essa escola tem plenos poderes sobre os filhos alheios e essa mesma escola, na pessoa de uma "justiceira" que lá existe praticamente coagiu, mentiu, fez reunião pra instruir os alunos a mentirem pra detonar (palavra mais usada pelos meninos), o Rodolfo.

      Excluir
  17. SE FEZ, TEM QUE PAGAR,!!
    SE PAGAR, O CARRETEL TEM QUE TA NO GRAU, PQ SE NAO TIVER.... OS DETENTOS VÃO DEIXAR

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA