Compartilhe essa Notícia:


O desembargador João Pedro Gebran Neto, relator do processo do sítio de Atibaia (SP) no TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), votou por ampliar a pena do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A nova pena sugerida por Gebran é de 17 anos, um mês e dez dias em regime fechado.

Além do aumento de pena, Gebran Neto também fixou o número de 422 dias-multa a serem pagos por Lula por conta dos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. O número é quase o dobro do fixado pela sentença em primeira instância, assinada por Hardt, que havia estipulado o pagamento de 212 dias-multa.

Ao decidir pela ampliação da pena, o relator disse que, "infelizmente, a responsabilidade do ex-presidente Lula é bastante elevada". "[Ele] ocupava o grau de máximo dirigente", comentou. Para ele, havia a expectativa de que o petista "se comportasse em conformidade com o direito" e "que coibisse ilicitudes".

Em fevereiro deste ano, a juíza Gabriela Hardt, da 13ª Vara Federal de Curitiba, condenou o ex-presidente por ligação com um esquema de corrupção envolvendo contratos de empresas com a Petrobras. Lula teria recebido como vantagem reformas em um sítio frequentado por ele no interior de São Paulo. A defesa do ex-presidente nega as acusações.


O sítio pertence a Fernando Bittar, amigo da família de Lula. Para Gebran, "pouco importa a questão da propriedade do sítio de Atibaia". "O fato é que o ex-presidente Lula usava o imóvel", disse. O desembargador também pontuou que o processo tem farta documentação e que Lula "fazia e solicitava melhorias no sítio de Atibaia". O desembargador diz que houve dissimulação do real proprietário das reformas.

Fonte: Uol
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

10 Comentários

  1. Palmas para o TRF-4. Pena que existe o STF. Mas Deus é maior.

    ResponderExcluir
  2. Bandido lula tem o stf com o rabo preso e livra ele de tudo que é condenação.

    ResponderExcluir
  3. Mais uma pra coleção.

    ResponderExcluir
  4. Mais uma pra coleção. Ainda falta 7 processos. Questão de tempo o vulgo 9 Dedos vai voltar pras grades

    ResponderExcluir
  5. Quando uma corte é de juízes concursados o nível é diferente.

    ResponderExcluir
  6. Não sou lulista,mas há perseguição contra ele sim.O minchel temer roubou foi bilhoes,nada acontece com ele,o deputado da mala foi pego com 500 mil,nada aconteceu.portanto,não posso acreditar numa justiça seletiva assim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nessa fato pode ate ser perseguição, mas o problema do lula e que ele volta a querer bater de frente e tentar uma nova eleição, ou seja ele quer voltar e acabar com o resto. por isso deve se focar nele, fazendo leis para botar ele na cadeia e questão de tempo para os outros ir.

      Excluir
  7. lula nunca mais será candidato a nada. o nordeste que era seu maior reduto eleitoral, não é mais. somos todos 38 é BOLSONARO EM 2022!!!!

    ResponderExcluir
  8. fala serio ....defende bolsonaro e condena lula..cai na real minha gente;;;eles nao se importam nao com nossas opnioes ..isso e briga de cachorro grande..

    ResponderExcluir
  9. Ele pode até se chamado de bandido mais roubou pra da comida os pobres

    ResponderExcluir