Compartilhe essa Notícia:

A aeronave saiu de Lima Campos com destino a Paço do Lumiar, mas caiu em fazenda em Rosário no dia 1º de abril de 2018.
Jonas Eloi da Luz, uma das três vítimas do acidente

O relatório da investigação da queda do helicóptero Robson 44 apontou que o piloto não estava habilitado, que não haviam condições meteorológicas para o voo, além de existir problemas em peças. 

A aeronave caiu em uma fazenda no dia 1º de abril de 2018 em Rosário, a 75 km da capital São Luís. Três médicos identificados como Rodrigo Capobiango Braga, Jonas Eloi da Luz, José Kleber Luz Araújo. Outra vítima fatal foi o piloto e policial civil Alfredo Oliveira Barbosa Neto.

O relatório do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos, aponta que o piloto estava com o Certificado Médico Aeronáutico vencido desde 19/01/2018. A habilitação do helicóptero também estava vencida desde junho de 2012.

As investigações também apontaram a existência de corrosão entre o núcleo e o revestimento de uma pá do rotor principal [a parte central entre as hélices, próximo do motor], o que teria causado um 'descolamento'. Esse problema, segundo o documento, torna o voo impróprio e inseguro. O correto, segundo o relatório, seria a substituição das pás antes da decolagem.

Por fim, o relatório indicou que o parecer meteorológico no horário do voo apontava condições meteorológicas adversas próximas ao Aeródromo Internacional de São Luís, distante alguns quilômetros do local do acidente.


Os médicos Rodrigo Capobiango Braga, José Cleber Luz Araújo, Jonas Eloi da Luz e o piloto, o policial civil Alfredo Oliveira Barbosa Neto, morreram no acidente.

A rota do voo

O helicóptero modelo Robson 44, decolou por volta das 18h15 do município de Lima Campos com destino a um heliponto em Paço do Lumiar para realizar um voo de transporte com um piloto e três passageiros.

Durante o voo foi realizado contato com o Controle de Aproximação de São Luís às 18h40 e estimava pouso às 19h15. Entretanto, 45 minutos após a decolagem, a aeronave caiu próximo à Vila Nambuaçú, em Rosário.

O helicóptero ficou destruído e todos os tripulantes sofreram lesões fatais.

- Com informações do G1-MA
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

0 Comentários

Informe da ALEMA