Compartilhe essa Notícia:


Os moradores de São Raimundo do Doca Bezerra receberam com grande alegria o vice-governador Carlos Brandão, representando o governador Flávio Dino. Ao lado do prefeito Séliton Miranda inaugurou o Restaurante Popular de São Raimundo do Doca Bezerra, no sábado (07/12/19). 

Além do restaurante várias cisternas de águas foram entregues a população na zona rural do municipio. Todas essas ações faz parte do Programa Mais IDH, com o objetivo de levar políticas públicas aos municípios com baixos índice de Desenvolvimento Humano (IDH).

O prefeito Séliton Miranda agradeceu as ações do governo do estado no município, e destacou: "são obras importantes como as casas, sistemas de abastecimentos de águas, escolas dignas, estrada que liga São Raimundo do Doca Bezerra a Barra do Corda e agora, o restaurante popular, que vai servir 200 refeições diárias para população. Além dessas obras, vice-governador, quero fazer outros pedidos: uma ambulância, pois todos os municípios da minha região ganharam, e estamos precisando; a pavimentação asfáltica das ruas do Povoado Três Lagoas do Piracas e, ao lado do restaurante, tem esse espaço, e pedimos uma praça," solicitou Séliton Miranda.

O vice-governador agradeceu a população pela presença e as autoridades da região, que estão prestigiando as inaugurações em diversas cidades. E falou das parcerias que teve no municípios, quando era deputados e hoje governador.

Brandão  destacou a importância do restaurante para a comunidade.

“Não são apenas restaurantes; são espaços para promover mais saúde e qualidade de vida à população, que passa a ter acesso à alimentação balanceada por apenas R$ 2, e ainda tem o acompanhamento de profissionais da saúde, em uma ambiente amplo e confortável", discursou o vice-governador Carlos Brandão.


                        
                                      



























Fonte: Josivan Lima
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

3 Comentários

  1. ESPERANTINOPÓLIS - MPMA pede nomeação de aprovados e anulação de contratos temporários
    Imprimir
    Publicado: 06 Março 2017 Acessos: 657
    Mapa Esperantinopolis.svg O Ministério Público do Maranhão (MPMA) encaminhou, em 23 de fevereiro, uma Recomendação ao Município de Esperantinópolis, solicitando a tomada de providências para regularizar o quadro de servidores municipais.

    Formulada pelo titular da Promotoria de Justiça da comarca, Xilon Souza Júnior, o documento foi entregue durante uma reunião sobre o assunto, realizada na sede do MPMA.

    Segundo o promotor de justiça, mesmo havendo muitos candidatos aprovados e excedentes do último concurso, realizado em outubro de 2015, a Prefeitura encaminhou à Câmara uma Lei Municipal tratando de contratação direta de servidores.

    Apesar de terem nomenclaturas diferentes, os cargos citados na lei, aprovada em 9 de fevereiro, possuem as mesmas atribuições dos cargos já oferecidos no referido concurso público.

    Para Souza Júnior, a Lei Municipal demonstra a necessidade do Município em nomear os aprovados.

    SOLICITAÇÕES

    Pela Recomendação nº 02/2017- PJESP, a prefeitura deve abster-se da contratação direta com base na lei aprovada. O MPMA pede, ainda, a anulação, em 30 dias, de todos os contratos temporários vigentes, que foram celebrados em detrimento da convocação de candidatos aprovados no certame.

    No mesmo prazo, devem ser nomeados todos os aprovados no concurso, incluindo os excedentes até preencher o número equivalente às contratações temporárias já feitas, bem como às vagas previstas na Lei Municipal.

    Devem ser encaminhadas, em 35 dias, ao Ministério Público as cópias dos atos de nomeação dos candidatos aprovados e de rescisão/anulação de todos os contratos temporários vigentes.

    REUNIÃO

    Além de candidatos aprovados e excedentes do concurso, participaram, ainda, da reunião o defensor público municipal, Mário Sérgio Santos; o secretário municipal de Administração, Kleube Andrade e o advogado Paulo Guilherme Alves.


    Sou Excedente e quero saber como anda esse processo na comarca do forum de Esperantinopolis Maranhão. pois já houve uma audiência pública em setembro deste ano de 2019. e até o momento a juíza titular Urbanete de Angiolis Silva não tomou nenhuma decisão ainda. em vista que existem varias pessoas contratadas preenchendo as vagas que foram oferecidas no certame(concurso)Apesar de terem nomenclaturas diferentes, os cargos citados na lei, aprovada em 9 de fevereiro, possuem as mesmas atribuições dos cargos já oferecidos no referido concurso público. lembrando que esse processo é de caráter de urgência, e ao mesmo tempo está suspenso. Eu e todos os excedentes, contamos com o seu apoio em divulgar essa matéria em seu blog que leva a informação de forma séria.

    ResponderExcluir
  2. ESPERANTINOPÓLIS - MPMA pede nomeação de aprovados e anulação de contratos temporários
    Imprimir
    Publicado: 06 Março 2017 Acessos: 657
    Mapa Esperantinopolis.svg O Ministério Público do Maranhão (MPMA) encaminhou, em 23 de fevereiro, uma Recomendação ao Município de Esperantinópolis, solicitando a tomada de providências para regularizar o quadro de servidores municipais.

    Formulada pelo titular da Promotoria de Justiça da comarca, Xilon Souza Júnior, o documento foi entregue durante uma reunião sobre o assunto, realizada na sede do MPMA.

    Segundo o promotor de justiça, mesmo havendo muitos candidatos aprovados e excedentes do último concurso, realizado em outubro de 2015, a Prefeitura encaminhou à Câmara uma Lei Municipal tratando de contratação direta de servidores.

    Apesar de terem nomenclaturas diferentes, os cargos citados na lei, aprovada em 9 de fevereiro, possuem as mesmas atribuições dos cargos já oferecidos no referido concurso público.

    Para Souza Júnior, a Lei Municipal demonstra a necessidade do Município em nomear os aprovados.

    SOLICITAÇÕES

    Pela Recomendação nº 02/2017- PJESP, a prefeitura deve abster-se da contratação direta com base na lei aprovada. O MPMA pede, ainda, a anulação, em 30 dias, de todos os contratos temporários vigentes, que foram celebrados em detrimento da convocação de candidatos aprovados no certame.

    No mesmo prazo, devem ser nomeados todos os aprovados no concurso, incluindo os excedentes até preencher o número equivalente às contratações temporárias já feitas, bem como às vagas previstas na Lei Municipal.

    Devem ser encaminhadas, em 35 dias, ao Ministério Público as cópias dos atos de nomeação dos candidatos aprovados e de rescisão/anulação de todos os contratos temporários vigentes.

    REUNIÃO

    Além de candidatos aprovados e excedentes do concurso, participaram, ainda, da reunião o defensor público municipal, Mário Sérgio Santos; o secretário municipal de Administração, Kleube Andrade e o advogado Paulo Guilherme Alves.


    Sou Excedente e quero saber como anda esse processo na comarca do forum de Esperantinopolis Maranhão. pois já houve uma audiência pública em setembro deste ano de 2019. e até o momento a juíza titular Urbanete de Angiolis Silva não tomou nenhuma decisão ainda. em vista que existem varias pessoas contratadas preenchendo as vagas que foram oferecidas no certame(concurso)Apesar de terem nomenclaturas diferentes, os cargos citados na lei, aprovada em 9 de fevereiro, possuem as mesmas atribuições dos cargos já oferecidos no referido concurso público. lembrando que esse processo é de caráter de urgência, e ao mesmo tempo está suspenso. Eu e todos os excedentes, contamos com o seu apoio em divulgar essa matéria em seu blog que leva a informação de forma séria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mais provável que seja realizado um novo concurso próximo ano.

      Excluir

Informe da ALEMA