Compartilhe essa Notícia:

Estado tem o município com o maior número de cancelamentos. Mais de 56.600 famílias deixaram de receber o recurso em 2019 em todo o país.

Agricultores familiares de várias partes do país reclamam de problemas no Bolsa Família, benefício criado para garantir um complemento de renda para quem vive em situação de pobreza extrema.

Nos últimos meses, muitas famílias foram cortadas do programa, e não sabem o motivo. No Maranhão, quem perdeu o benefício vive uma espera angustiante para tê-lo de volta.

A dona Antônia cuida da casa com o marido e mais 5 filhos. Eles recebiam R$ 580 do Bolsa Família, mas o benefício foi cancelado em maio. Esta é uma das mais de 56.600 famílias que deixaram de ter o recurso no ano passado.

O município de Santa Rita, no norte do Maranhão, foi o que teve o maior número de cancelamentos do estado – foram 1.908, segundo a Prefeitura. A maioria pelo mesmo motivo: para averiguação, que é quando é feita a análise para ver se a família atende aos requisitos para participar do programa.

O Ministério da Cidadania, responsável pelo benefício, não quis dar entrevista ao Globo Rural. Em nota, afirmou que a entrada e a exclusão de pessoas no programa Bolsa Família atendem a critérios técnicos.

Fonte: G1
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

1 Comentários

  1. Assisti a reportagem no Globo Rural é insensibilidade demais do Governo Federal. A desculpa é que estão verificando os benefícios desde março de 2019, ou seja, há quase um ano e nada de reativar o benefício. Quando o sofrimento do seu irmão não lhe causa desconforto...

    ResponderExcluir

Informe da ALEMA